Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo
Quarta-feira, 20 DE Maio 2009
MOÇAMBIQUE estreia-se no Campeonato do Mundo de Hóquei em Patins do Grupo A, a decorrer de 4 a 11 de Julho na Espanha (Vigo/Pontevedra), frente ao bicampeão do planeta, Espanha, no primeiro dia da competição (4 de Julho)
MOÇAMBIQUE estreia-se no Campeonato do Mundo de Hóquei em Patins do Grupo A(paulo)
O encontro realiza-se logo a seguir à cerimónia da abertura, segundo ditou o sorteio realizado recentemente em Montreux, Suíça.

Este será, sem dúvidas, um marco notável para a Selecção Nacional, visto que não é sempre que se tem a honra de tomar parte no jogo da abertura de um Campeonato do Mundo. Esta partida é pontuável para o Grupo B, onde também estão inseridas as selecções da Angola e Colômbia, que jogam no dia seguinte, portanto a 5 de Julho.

A equipa moçambicana, conforme referiu o seleccionador nacional, Pedro Pimentel, não irá de forma alguma atirar a “toalha ao chão”, pois recorda que há cinco anos, no “Mundial” de Oliveira de Azeméis, em Portugal, os seus pupilos estiveram muito perto de derrubar a gigante Espanha.

José Barbarez, técnico espanhol, que nas próximas semanas deverá integrar a Selecção Nacional, será, com certeza, uma mais-valia no embate com a selecção bicampeã, uma vez que conhece profundamente a maneira de actuar dos seus compatriotas.

Após o jogo com a selecção europeia, o combinado nacional terá um dia de descanso (domingo) voltando a entrar em acção na segunda-feira para medir forças com Angola, aquela que é tida como principal concorrente da turma moçambicana no apuramento à segunda fase, já que a Espanha é claramente candidata a classificar-se em primeiro lugar.

Moçambique defrontará assim logo nas duas primeiras jornadas os dois adversários de peso do grupo. Numa análise optimista pode se dizer que será benéfico, sobretudo encontrar a Angola logo a seguir ao confronto com a Espanha, visto que é de esperar que a Selecção Nacional enfrente os angolanos já com um maior ritmo competitivo, adquirido precisamente frente ao colosso europeu. Pode ainda tirar proveito de um eventual “relaxamento” da formação angolana que virá de um jogo, “a priori”, menos arrojado frente à modesta Colômbia.

É preciso não esquecer que a equipa moçambicana terá um dia de descanso antes de defrontar a selecção da Angola, o que servirá, seguramente, para os jogadores recuperarem o fôlego e os técnicos delinearem melhor a estratégia, até porque terão a oportunidade de assistir ao desafio entre Angola e Colômbia.

PORTUGAL-ARGENTINA O DUELO DE GIGANTES

Durante a fase de grupos certamente que o jogo entre Portugal e Argentina é o que mais vai interessar. Pela tradição e potencial que estas selecções têm vindo a exibir ao longo dos campeonatos do mundo, adivinha-se uma excelente propaganda de hóquei em patins.

Portugal é actualmente o país com mais títulos conquistados (15), enquanto a Argentina tem apenas quatro. No entanto, esta diferença de troféus (11) não se faz muito notar quando estas equipas se defrontam. O equilíbrio é a nota dominante e o espectáculo proporcionado por alguns dos melhores jogadores do mundo como Reinaldo Ventura (Portugal) e Mariano Velásquez (Argentina) é um motivo para não perder de vista o duelo.

De resto, estas são as únicas selecções sérias candidatas ao título, cujo destino quis que se encontrassem na primeira fase.

Portugal e Argentina fazem parte do Grupo C juntamente com o Chile e os Estados Unidos da América.

LISTA DOS VENCEDORES DO “MUNDIAL” DO GRUPO A

1º Portugal (15); Espanha (13); Argentina (4); Itália (4) e Inglaterra (2).

“CALENDÁRIO COMPLETO DA PRIMEIRA FASE

4 DE JULHO

VIGO

21.00 h: Cerimónia de Abertura

22.00 h- Espanha-Moçambique (Grupo A)

DIA 5 DE JULHO

PONTEVEDRA

18.00 h – Chile – Argentina (Grupo C)

19.30 h – Inglaterra – Itália (Grupo D)

21.00 h – EUA – Portugal (Grupo C)

22.30 h – Alemanha – França (Grupo D)

VIGO

19.30 h – Suíça – Holanda (Grupo B)

21.00 h – Angola – Colômbia (Grupo A)

22.30 h – Brasil –Andorra (Grupo B)

6 DE JULHO

VIGO

18.00 h - Angola – Moçambique (Grupo A)

19.30 h – Suíça – Andorra (Grupo B)

21.00 h- Colômbia – Espanha (Grupo A)

22.30 h – Holanda – Brasil (Grupo B)

PONTEVEDRA

18.00 h- Chile – Portugal (Grupo C)

19.30 h – Inglaterra – França (Grupo D)

21.00 h – Argentina – EUA (Grupo C)

22.00 h – Itália – Alemanha (Grupo D)

7 DE JULHO

VIGO

18.00 h – Angola – Espanha (Grupo A)

19.30 h- Suíça – Brasil (Grupo B)

21.00 h – Colômbia – Moçambique (Grupo A)

22.30 h – Holanda – Andorra (Grupo B)

PONTEVEDRA

18.00 h – Chile – EUA (Grupo C)

19.30 h – Inglaterra – Alemanha (Grupo D)

21.00 h – Argentina - Portugal (Grupo B)

22.30 h – Itália – França (Grupo D)

publicado por Vaxko Zakarias às 13:38
 O que é? |  O que é? | favorito
MOÇAMBIQUE estreia-se no Campeonato do Mundo de Hóquei em Patins do Grupo A, a decorrer de 4 a 11 de Julho na Espanha (Vigo/Pontevedra), frente ao bicampeão do planeta, Espanha, no primeiro dia da competição (4 de Julho)
MOÇAMBIQUE estreia-se no Campeonato do Mundo de Hóquei em Patins do Grupo A(paulo)
O encontro realiza-se logo a seguir à cerimónia da abertura, segundo ditou o sorteio realizado recentemente em Montreux, Suíça.

Este será, sem dúvidas, um marco notável para a Selecção Nacional, visto que não é sempre que se tem a honra de tomar parte no jogo da abertura de um Campeonato do Mundo. Esta partida é pontuável para o Grupo B, onde também estão inseridas as selecções da Angola e Colômbia, que jogam no dia seguinte, portanto a 5 de Julho.

A equipa moçambicana, conforme referiu o seleccionador nacional, Pedro Pimentel, não irá de forma alguma atirar a “toalha ao chão”, pois recorda que há cinco anos, no “Mundial” de Oliveira de Azeméis, em Portugal, os seus pupilos estiveram muito perto de derrubar a gigante Espanha.

José Barbarez, técnico espanhol, que nas próximas semanas deverá integrar a Selecção Nacional, será, com certeza, uma mais-valia no embate com a selecção bicampeã, uma vez que conhece profundamente a maneira de actuar dos seus compatriotas.

Após o jogo com a selecção europeia, o combinado nacional terá um dia de descanso (domingo) voltando a entrar em acção na segunda-feira para medir forças com Angola, aquela que é tida como principal concorrente da turma moçambicana no apuramento à segunda fase, já que a Espanha é claramente candidata a classificar-se em primeiro lugar.

Moçambique defrontará assim logo nas duas primeiras jornadas os dois adversários de peso do grupo. Numa análise optimista pode se dizer que será benéfico, sobretudo encontrar a Angola logo a seguir ao confronto com a Espanha, visto que é de esperar que a Selecção Nacional enfrente os angolanos já com um maior ritmo competitivo, adquirido precisamente frente ao colosso europeu. Pode ainda tirar proveito de um eventual “relaxamento” da formação angolana que virá de um jogo, “a priori”, menos arrojado frente à modesta Colômbia.

É preciso não esquecer que a equipa moçambicana terá um dia de descanso antes de defrontar a selecção da Angola, o que servirá, seguramente, para os jogadores recuperarem o fôlego e os técnicos delinearem melhor a estratégia, até porque terão a oportunidade de assistir ao desafio entre Angola e Colômbia.

PORTUGAL-ARGENTINA O DUELO DE GIGANTES

Durante a fase de grupos certamente que o jogo entre Portugal e Argentina é o que mais vai interessar. Pela tradição e potencial que estas selecções têm vindo a exibir ao longo dos campeonatos do mundo, adivinha-se uma excelente propaganda de hóquei em patins.

Portugal é actualmente o país com mais títulos conquistados (15), enquanto a Argentina tem apenas quatro. No entanto, esta diferença de troféus (11) não se faz muito notar quando estas equipas se defrontam. O equilíbrio é a nota dominante e o espectáculo proporcionado por alguns dos melhores jogadores do mundo como Reinaldo Ventura (Portugal) e Mariano Velásquez (Argentina) é um motivo para não perder de vista o duelo.

De resto, estas são as únicas selecções sérias candidatas ao título, cujo destino quis que se encontrassem na primeira fase.

Portugal e Argentina fazem parte do Grupo C juntamente com o Chile e os Estados Unidos da América.

LISTA DOS VENCEDORES DO “MUNDIAL” DO GRUPO A

1º Portugal (15); Espanha (13); Argentina (4); Itália (4) e Inglaterra (2).

“CALENDÁRIO COMPLETO DA PRIMEIRA FASE

4 DE JULHO

VIGO

21.00 h: Cerimónia de Abertura

22.00 h- Espanha-Moçambique (Grupo A)

DIA 5 DE JULHO

PONTEVEDRA

18.00 h – Chile – Argentina (Grupo C)

19.30 h – Inglaterra – Itália (Grupo D)

21.00 h – EUA – Portugal (Grupo C)

22.30 h – Alemanha – França (Grupo D)

VIGO

19.30 h – Suíça – Holanda (Grupo B)

21.00 h – Angola – Colômbia (Grupo A)

22.30 h – Brasil –Andorra (Grupo B)

6 DE JULHO

VIGO

18.00 h - Angola – Moçambique (Grupo A)

19.30 h – Suíça – Andorra (Grupo B)

21.00 h- Colômbia – Espanha (Grupo A)

22.30 h – Holanda – Brasil (Grupo B)

PONTEVEDRA

18.00 h- Chile – Portugal (Grupo C)

19.30 h – Inglaterra – França (Grupo D)

21.00 h – Argentina – EUA (Grupo C)

22.00 h – Itália – Alemanha (Grupo D)

7 DE JULHO

VIGO

18.00 h – Angola – Espanha (Grupo A)

19.30 h- Suíça – Brasil (Grupo B)

21.00 h – Colômbia – Moçambique (Grupo A)

22.30 h – Holanda – Andorra (Grupo B)

PONTEVEDRA

18.00 h – Chile – EUA (Grupo C)

19.30 h – Inglaterra – Alemanha (Grupo D)

21.00 h – Argentina - Portugal (Grupo B)

22.30 h – Itália – França (Grupo D)

publicado por Vaxko Zakarias às 13:38
 O que é? |  O que é? | favorito

O RELVADO do Costa do Sol, palco das sessões semanais da Selecção Nacional de Futebol, recebeu ontem uma figura especial e que mereceu a atenção e estima tanto dos colegas como do público que habitualmente acorre àquele local às terças-feiras.

O RELVADO do Costa do Sol, palco das sessões semanais da Selecção Nacional de Futebo
Trata-se de Tico-Tico, o emblemático capitão dos “Mambas” que, tendo chegado a Maputo na segunda-feira, não quis perder tempo e foi juntar-se aos seus colegas que desde há cinco semanas iniciaram o processo de preparação para o embate de 6 de Junho, na Tunísia, a contar para a segunda jornada do Grupo B de qualificação para CAN e Mundial de 2010.

Naturalmente satisfeito por ver chegar em massa os nossos “tigres” que actuam além-fronteiras, o técnico Mart Nooij já programou para amanhã um treino com este grupo, ora em inactividade competitiva com o final dos seus campeonatos.

Com Tico-Tico, estiveram igualmente nas quatro linhas os jovens Zé Luís, ido do Egipto, e Aguiar, do Estrela da Amadora, de Portugal, sendo provável que sejam destacados para os “Mambinhas” Sub-20, em preparação para os Jogos da Lusofonia, a decorrerem em Julho, em Lisboa. Presente também esteve, embora sem treinar, o guarda-redes Kampango, cuja equipa, o Tersana, foi despromovido para o escalão secundário do futebol faraónico.

Dominguez e Miro são os outros jogadores que já se encontram entre nós, devendo integrar o grupo de trabalho na sessão de amanhã. Dário Monteiro, que se viu obrigado a regressar à África do Sul para tratar alguns assuntos com o seu clube, o Sundowns, estará em Maputo esta semana, à semelhança de Dário Khan. Quanto a Mano, cujo clube tem no final deste mês uma partida da Taça CAF, rumará directamente para o estágio na Líbia, tal como os “europeus” Simão, Genito e Paíto.

Tico-Tico (A. Marrengula)
ALEGRIA NA EQUIPA

É verdade que a boa disposição tem sido apanágio dos jogadores nas sessões semanais dos “Mambas”, com cada um procurando oferecer o seu melhor de forma a merecer a confiança do “mister” nesta campanha de 2010, que em Junho incluiu, para além da Tunísia, o desafio no Quénia, no dia 20. No entanto, foi notório que a chegada de Tico-Tico trouxe outra disposição no grupo, alegria renovada e até uma certa elevação da firmeza em relação àquilo que o próximo mês nos reserva na aventura pelas cidades de Tunis e Nairobi.

É que, para além de ser o jogador mais velho e mais experiente no seio da equipa, Tico-Tico é realmente o elemento contemporizador e de simpatia no grupo, para além do seu inquestionável valor.

Infelizmente, o capitão da selecção falhou o último compromisso, na memorável tarde de 29 de Março, no Estádio da Machava, frente à Nigéria, devido a uma arreliadora lesão, mas não somente ele próprio nos garantiu que já está “au point” como também pudemos testemunhar pela sua entrega aos treinos, para satisfação do técnico holandês e de todos nós, pois o ataque ganha uma unidade de extraordinária influência.

Tico-Tico disse aos jornalistas que o pior já pertence ao passado, até porque efectuou os últimos jogos da sua formação, o Jomo Cosmos, a quem ajudou a regressar à I Liga sul-africana.

“Fisicamente sinto-me bem e estou motivado com o regresso à selecção. Neste momento, o grande problema reside no facto de eu e os colegas vindos do estrangeiro não estarmos em competição, contrariamente aos que actuam internamente. Apesar de tudo, julgo que os treinadores encontrarão uma alternativa que nos permita estar em actividade”, afirmou o nº 9 dos “Mambas”.

publicado por Vaxko Zakarias às 13:31
 O que é? |  O que é? | favorito

O RELVADO do Costa do Sol, palco das sessões semanais da Selecção Nacional de Futebol, recebeu ontem uma figura especial e que mereceu a atenção e estima tanto dos colegas como do público que habitualmente acorre àquele local às terças-feiras.

O RELVADO do Costa do Sol, palco das sessões semanais da Selecção Nacional de Futebo
Trata-se de Tico-Tico, o emblemático capitão dos “Mambas” que, tendo chegado a Maputo na segunda-feira, não quis perder tempo e foi juntar-se aos seus colegas que desde há cinco semanas iniciaram o processo de preparação para o embate de 6 de Junho, na Tunísia, a contar para a segunda jornada do Grupo B de qualificação para CAN e Mundial de 2010.

Naturalmente satisfeito por ver chegar em massa os nossos “tigres” que actuam além-fronteiras, o técnico Mart Nooij já programou para amanhã um treino com este grupo, ora em inactividade competitiva com o final dos seus campeonatos.

Com Tico-Tico, estiveram igualmente nas quatro linhas os jovens Zé Luís, ido do Egipto, e Aguiar, do Estrela da Amadora, de Portugal, sendo provável que sejam destacados para os “Mambinhas” Sub-20, em preparação para os Jogos da Lusofonia, a decorrerem em Julho, em Lisboa. Presente também esteve, embora sem treinar, o guarda-redes Kampango, cuja equipa, o Tersana, foi despromovido para o escalão secundário do futebol faraónico.

Dominguez e Miro são os outros jogadores que já se encontram entre nós, devendo integrar o grupo de trabalho na sessão de amanhã. Dário Monteiro, que se viu obrigado a regressar à África do Sul para tratar alguns assuntos com o seu clube, o Sundowns, estará em Maputo esta semana, à semelhança de Dário Khan. Quanto a Mano, cujo clube tem no final deste mês uma partida da Taça CAF, rumará directamente para o estágio na Líbia, tal como os “europeus” Simão, Genito e Paíto.

Tico-Tico (A. Marrengula)
ALEGRIA NA EQUIPA

É verdade que a boa disposição tem sido apanágio dos jogadores nas sessões semanais dos “Mambas”, com cada um procurando oferecer o seu melhor de forma a merecer a confiança do “mister” nesta campanha de 2010, que em Junho incluiu, para além da Tunísia, o desafio no Quénia, no dia 20. No entanto, foi notório que a chegada de Tico-Tico trouxe outra disposição no grupo, alegria renovada e até uma certa elevação da firmeza em relação àquilo que o próximo mês nos reserva na aventura pelas cidades de Tunis e Nairobi.

É que, para além de ser o jogador mais velho e mais experiente no seio da equipa, Tico-Tico é realmente o elemento contemporizador e de simpatia no grupo, para além do seu inquestionável valor.

Infelizmente, o capitão da selecção falhou o último compromisso, na memorável tarde de 29 de Março, no Estádio da Machava, frente à Nigéria, devido a uma arreliadora lesão, mas não somente ele próprio nos garantiu que já está “au point” como também pudemos testemunhar pela sua entrega aos treinos, para satisfação do técnico holandês e de todos nós, pois o ataque ganha uma unidade de extraordinária influência.

Tico-Tico disse aos jornalistas que o pior já pertence ao passado, até porque efectuou os últimos jogos da sua formação, o Jomo Cosmos, a quem ajudou a regressar à I Liga sul-africana.

“Fisicamente sinto-me bem e estou motivado com o regresso à selecção. Neste momento, o grande problema reside no facto de eu e os colegas vindos do estrangeiro não estarmos em competição, contrariamente aos que actuam internamente. Apesar de tudo, julgo que os treinadores encontrarão uma alternativa que nos permita estar em actividade”, afirmou o nº 9 dos “Mambas”.

publicado por Vaxko Zakarias às 13:31
 O que é? |  O que é? | favorito

MOISÉS Júnior, em masculinos, e Jesse Michele, em femininos, são até ao momento os únicos xadrezistas nacionais cujas presenças estão asseguradas no Campeonato Africano de Xadrez que se realiza de 30 de Junho a 11 de Julho em Cape Town, na África do Sul.

Moisés Júnior e Jesse Michelle tomarão parte no escalão de Sub-12.

Para além desta categoria é desejo da Federação Moçambicana de Xadrez (FMX) que o país esteja representado pelas selecções de Sub-10, 14, 16 e 18, com dois atletas em cada escalão.

Todavia, a aposta da federação para esta prova recai para os escalões de Sub-10 e 12, pelo que são tidos como prioritários.
A escolha dos atletas para representar Moçambique no “Africano” foi feita com base na realização de um torneio que permitiu apurar os melhores tanto em masculinos como em femininos.

publicado por Vaxko Zakarias às 13:30
 O que é? |  O que é? | favorito

MOISÉS Júnior, em masculinos, e Jesse Michele, em femininos, são até ao momento os únicos xadrezistas nacionais cujas presenças estão asseguradas no Campeonato Africano de Xadrez que se realiza de 30 de Junho a 11 de Julho em Cape Town, na África do Sul.

Moisés Júnior e Jesse Michelle tomarão parte no escalão de Sub-12.

Para além desta categoria é desejo da Federação Moçambicana de Xadrez (FMX) que o país esteja representado pelas selecções de Sub-10, 14, 16 e 18, com dois atletas em cada escalão.

Todavia, a aposta da federação para esta prova recai para os escalões de Sub-10 e 12, pelo que são tidos como prioritários.
A escolha dos atletas para representar Moçambique no “Africano” foi feita com base na realização de um torneio que permitiu apurar os melhores tanto em masculinos como em femininos.

publicado por Vaxko Zakarias às 13:30
 O que é? |  O que é? | favorito

XAVIER Munjovo, adepto ferrenho e sócio do Maxaquene, e que há bem pouco tempo assumiu um cargo de destaque na direcção do clube, entrou para o “barulho”, remetendo a sua candidatura para o escrutínio do próximo sábado, depois do prazo da deposição das candidaturas ter terminado no dia 18, segunda-feira, segundo a recomendação da última assembleia geral.

José Cossa (esq.) e Rafindine Mahomed
Assim, estão confirmadas duas listas para as eleições do próximo sábado, sendo uma encabeçada por José Cossa, ex-PCA dos Aeroportos, e a outra liderada por Xavier Munjovo, jurista.

A candidatura de Xavier Munjovo é, até certo ponto, surpreendente, pois em nenhuma ocasião este sócio, que vive o dia-a-dia do Maxaquene, havia manifestado tal desejo principalmente nos últimos dias do “barulho” nos “tricolores”, que culminaram com a demissão de Rafindine Mahomed, do cargo de presidente, depois de ter visto o seu relatório de contas ser chumbado pelos associados, alegadamente por se ter detectado “trafulhices” na gestão dos recursos da colectividade.

Pelo que é caso para questionar: qual dos galos cantará no próximo sábado?

publicado por Vaxko Zakarias às 12:41
 O que é? |  O que é? | favorito

XAVIER Munjovo, adepto ferrenho e sócio do Maxaquene, e que há bem pouco tempo assumiu um cargo de destaque na direcção do clube, entrou para o “barulho”, remetendo a sua candidatura para o escrutínio do próximo sábado, depois do prazo da deposição das candidaturas ter terminado no dia 18, segunda-feira, segundo a recomendação da última assembleia geral.

José Cossa (esq.) e Rafindine Mahomed
Assim, estão confirmadas duas listas para as eleições do próximo sábado, sendo uma encabeçada por José Cossa, ex-PCA dos Aeroportos, e a outra liderada por Xavier Munjovo, jurista.

A candidatura de Xavier Munjovo é, até certo ponto, surpreendente, pois em nenhuma ocasião este sócio, que vive o dia-a-dia do Maxaquene, havia manifestado tal desejo principalmente nos últimos dias do “barulho” nos “tricolores”, que culminaram com a demissão de Rafindine Mahomed, do cargo de presidente, depois de ter visto o seu relatório de contas ser chumbado pelos associados, alegadamente por se ter detectado “trafulhices” na gestão dos recursos da colectividade.

Pelo que é caso para questionar: qual dos galos cantará no próximo sábado?

publicado por Vaxko Zakarias às 12:41
 O que é? |  O que é? | favorito

SÉRGIO Faife assina hoje contrato com o Chingale para treinar a sua equipa principal de futebol depois da demissão, na semana passada, de Zé Maria, alegadamente por maus resultados no Moçambola

Começar frente ao campeão é honroso - Sérgio Faife, Ferroviário de Nampula
Uma fonte da direcção do Chingale disse ao nosso Jornal que Faife chega esta manhã a Tete e vai rubricar ainda hoje contrato com o Chingale, numa cerimónia que contará com a presença de alguns dirigentes da colectividade.

A nossa fonte assegurou ainda que o novo treinador vai ainda na tarde de hoje, apresentar-se aos jogadores e posteriormente orientar a sua primeira sessão de treino.

“Temos que ganhar tempo. O técnico tem que se sentar no banco já no próximo sábado frente ao Desportivo de Maputo. O nosso objectivo é alterar a actual tabela classificativa para trazermos confiança à equipa e mantermo-nos na próxima edição do Moçambola”, disse a fonte.

O Chingale está neste momento abaixo da linha de água com apenas seis pontos em dez jogos.

Sérgio Faife estava desempregado há cerca de 15 dias depois de ter sido corrido do Ferroviário de Nampula devido a maus resultados no Moçambola.

publicado por Vaxko Zakarias às 12:15
 O que é? |  O que é? | favorito

SÉRGIO Faife assina hoje contrato com o Chingale para treinar a sua equipa principal de futebol depois da demissão, na semana passada, de Zé Maria, alegadamente por maus resultados no Moçambola

Começar frente ao campeão é honroso - Sérgio Faife, Ferroviário de Nampula
Uma fonte da direcção do Chingale disse ao nosso Jornal que Faife chega esta manhã a Tete e vai rubricar ainda hoje contrato com o Chingale, numa cerimónia que contará com a presença de alguns dirigentes da colectividade.

A nossa fonte assegurou ainda que o novo treinador vai ainda na tarde de hoje, apresentar-se aos jogadores e posteriormente orientar a sua primeira sessão de treino.

“Temos que ganhar tempo. O técnico tem que se sentar no banco já no próximo sábado frente ao Desportivo de Maputo. O nosso objectivo é alterar a actual tabela classificativa para trazermos confiança à equipa e mantermo-nos na próxima edição do Moçambola”, disse a fonte.

O Chingale está neste momento abaixo da linha de água com apenas seis pontos em dez jogos.

Sérgio Faife estava desempregado há cerca de 15 dias depois de ter sido corrido do Ferroviário de Nampula devido a maus resultados no Moçambola.

publicado por Vaxko Zakarias às 12:15
 O que é? |  O que é? | favorito

O SOL brilha em Istambul e a temperatura ronda os 20 e poucos graus centígrados, numa altura em que vai acolher a final da Taça UEFA.

Estes são alguns jogadores do Werder Bremen
O relvado do Estádio Sukru Saraçoglu aparenta excelentes condições para receber o Shakhtar Donetsk e Werder Bremen, duas equipas que lutarão para conquistar pela última vez um troféu já com 38 anos de história.

Os dois clubes nunca antes se encontraram nas competições europeias e ambos vão fazer a sua estreia em finais da Taça UEFA. O Shakhtar é mesmo a primeira equipa ucraniana a fazê-lo. O seu treinador, Mircea Lucescu, contudo, conhece bem a cidade que vai acolher a final, onde já levou o Galatasaray e o Besiktas à conquista de títulos na Turquia.

Do outro lado, no comando do Werder Bremen, Thomas Schaaf vai tentar assinalar o seu décimo ano à frente da formação alemã com a conquista daquele que seria o segundo troféu europeu do clube, depois da vitória na Taça dos Vencedores das Taças de 1992, em Lisboa, na qual Schaaf actuou como jogador.

O Shakhtar ambiciona tornar-se na primeira equipa ucraniana a vencer a Taça UEFA. Caso triunfe o Bremen, será o sétimo clube alemão a fazê-lo, o que fará da Bundesliga o segundo campeonato mais bem-sucedido na Taça UEFA, depois da Série “A”, que já forneceu nove campeões.

O Shakhtar não está apenas apostado em conquistar o seu primeiro troféu europeu, já que vai igualmente disputar a sua primeira final. Antes desta época, o seu maior feito na Taça UEFA aconteceu quando alcançou os oitavos-de-final, em três ocasiões, na mais recente perdendo frente ao Sevilha, que acabaria por arrecadar o título, em 2005/06.

O treinador do Bremen, Thomas Schaaf, fez parte da equipa que venceu o Mónaco, por 2-0, conquistando a edição 1991/92 da Taça das Taças, no Estádio da Luz, a única final do clube até ao momento nas três principais competições europeias. Os alemães alcançaram as meias-finais da Taça UEFA três vezes (1987/88, 1989/90 e 2006/07), apesar de esta ser a primeira que se apuram para a final.

O técnico romeno do Shakhtar, Mircea Lucescu, venceu a SuperTaça Europeia em 2000, quando orientava o Galatasaray, e conhece bem o Estádio Þükrü Saraçoglu, recinto do Fenerbahçe SK, devido às suas passagens pelos rivais do clube de Istambul, Galatasaray e Beþiktaþ.

INFORMAÇÃO DISCIPLINAR

Shakhtar: Olexandr Kucher regressa, depois de cumprir um jogo de suspensão, mas Tomás Hübschmann falha a final, após ter visto um cartão amarelo na segunda “mão” da meia-final.

Bremen: Diego e Hugo Almeida vão cumprir um jogo de suspensão.

publicado por Vaxko Zakarias às 10:02
 O que é? |  O que é? | favorito

O SOL brilha em Istambul e a temperatura ronda os 20 e poucos graus centígrados, numa altura em que vai acolher a final da Taça UEFA.

Estes são alguns jogadores do Werder Bremen
O relvado do Estádio Sukru Saraçoglu aparenta excelentes condições para receber o Shakhtar Donetsk e Werder Bremen, duas equipas que lutarão para conquistar pela última vez um troféu já com 38 anos de história.

Os dois clubes nunca antes se encontraram nas competições europeias e ambos vão fazer a sua estreia em finais da Taça UEFA. O Shakhtar é mesmo a primeira equipa ucraniana a fazê-lo. O seu treinador, Mircea Lucescu, contudo, conhece bem a cidade que vai acolher a final, onde já levou o Galatasaray e o Besiktas à conquista de títulos na Turquia.

Do outro lado, no comando do Werder Bremen, Thomas Schaaf vai tentar assinalar o seu décimo ano à frente da formação alemã com a conquista daquele que seria o segundo troféu europeu do clube, depois da vitória na Taça dos Vencedores das Taças de 1992, em Lisboa, na qual Schaaf actuou como jogador.

O Shakhtar ambiciona tornar-se na primeira equipa ucraniana a vencer a Taça UEFA. Caso triunfe o Bremen, será o sétimo clube alemão a fazê-lo, o que fará da Bundesliga o segundo campeonato mais bem-sucedido na Taça UEFA, depois da Série “A”, que já forneceu nove campeões.

O Shakhtar não está apenas apostado em conquistar o seu primeiro troféu europeu, já que vai igualmente disputar a sua primeira final. Antes desta época, o seu maior feito na Taça UEFA aconteceu quando alcançou os oitavos-de-final, em três ocasiões, na mais recente perdendo frente ao Sevilha, que acabaria por arrecadar o título, em 2005/06.

O treinador do Bremen, Thomas Schaaf, fez parte da equipa que venceu o Mónaco, por 2-0, conquistando a edição 1991/92 da Taça das Taças, no Estádio da Luz, a única final do clube até ao momento nas três principais competições europeias. Os alemães alcançaram as meias-finais da Taça UEFA três vezes (1987/88, 1989/90 e 2006/07), apesar de esta ser a primeira que se apuram para a final.

O técnico romeno do Shakhtar, Mircea Lucescu, venceu a SuperTaça Europeia em 2000, quando orientava o Galatasaray, e conhece bem o Estádio Þükrü Saraçoglu, recinto do Fenerbahçe SK, devido às suas passagens pelos rivais do clube de Istambul, Galatasaray e Beþiktaþ.

INFORMAÇÃO DISCIPLINAR

Shakhtar: Olexandr Kucher regressa, depois de cumprir um jogo de suspensão, mas Tomás Hübschmann falha a final, após ter visto um cartão amarelo na segunda “mão” da meia-final.

Bremen: Diego e Hugo Almeida vão cumprir um jogo de suspensão.

publicado por Vaxko Zakarias às 10:02
 O que é? |  O que é? | favorito

TRÊS equipas vindas dos distritos, nomeadamente o Clube de Mocímboa da Praia, o Atlético de Montepuez e a novata Força de Mudança de Chiúre, estarão presentes no Campeonato Provincial de Futebol de Cabo Delgado, que se espera ocorra o seu pontapé de saída no penúltimo dia do corrente mês.

Juntar-se-ão ao recentemente despromovido do Moçambola, o Ferroviário de Pemba, Associação Desportiva, vulgo “Pembinha”, o Desportivo, Beira-Mar e mais um caloiro, Futebol Clube de Ingonane, ambos da capital provincial.

À partida parece que as equipas dos distritos entram no “provincial” em desvantagem, visto que as suas adversárias de Pemba já se encontram na terceira jornada de um torneio de preparação que prevê seis jogos para cada uma, o que teoricamente as põe em vantagem, porque provavelmente mais rodadas até ao início do campeonato, embora não haja informação consistente de que aquelas não estejam a fazer o mesmo nos respectivos distritos.

Amade Ramos, Secretário-Geral da Associação Provincial de Futebol, justifica dizendo que foi necessário poupar os parcos recursos que os clubes têm, razão por que as equipas dos distritos não poderiam fazer parte do torneio que decorre na capital provincial.

Na verdade, as equipas da capital provincial têm ainda pela frente duas jornadas do torneio em curso que visa torná-las mais robustas para a batalha que se segue, cumpridas que foram quatro jornadas, liderado “Pembinha”, com seis pontos, seguido do Ferroviário de Pemba, com 4, Desportivo com 3, Beira-Mar com 2 e finalmente o Futebol Clube do bairro de Ingonane, com apenas um ponto.

“Não seriam capazes de suportar, preferimos poupá-los para reunirem os recursos para o campeonato propriamente dito. Olha que teriam que se deslocar cinco vezes para Pemba!

Toda a burocracia está a ser cumprida, conforme a fonte, por forma que todas as equipas iniciem o campeonato sem lacunas de ordem legal, embora alguns clubes até ao início desta semana não haviam entregue os atestados médicos.

Amade Ramos disse, por outro lado, que antes do início do campeonato, a 30 de Maio, terá lugar a primeira mão da Taça de Moçambique, fase provincial, se bem que a província de Cabo Delgado se encontre um pouco atrasada relativamente às outras, o que vai acontecer na semana de 23 de Maio.

A primeira mão será entre a Associação Desportiva de Pemba eDesportivo, Ferroviário de Pemba/Clube de Mocímboa da Praia, Atlético de Montepuez/Força de Mudança de Chiúre e Futebol Clube de Ingonane/Beira-Mar de Natite.

PEDRO NACUO

publicado por Vaxko Zakarias às 10:00
 O que é? |  O que é? | favorito

TRÊS equipas vindas dos distritos, nomeadamente o Clube de Mocímboa da Praia, o Atlético de Montepuez e a novata Força de Mudança de Chiúre, estarão presentes no Campeonato Provincial de Futebol de Cabo Delgado, que se espera ocorra o seu pontapé de saída no penúltimo dia do corrente mês.

Juntar-se-ão ao recentemente despromovido do Moçambola, o Ferroviário de Pemba, Associação Desportiva, vulgo “Pembinha”, o Desportivo, Beira-Mar e mais um caloiro, Futebol Clube de Ingonane, ambos da capital provincial.

À partida parece que as equipas dos distritos entram no “provincial” em desvantagem, visto que as suas adversárias de Pemba já se encontram na terceira jornada de um torneio de preparação que prevê seis jogos para cada uma, o que teoricamente as põe em vantagem, porque provavelmente mais rodadas até ao início do campeonato, embora não haja informação consistente de que aquelas não estejam a fazer o mesmo nos respectivos distritos.

Amade Ramos, Secretário-Geral da Associação Provincial de Futebol, justifica dizendo que foi necessário poupar os parcos recursos que os clubes têm, razão por que as equipas dos distritos não poderiam fazer parte do torneio que decorre na capital provincial.

Na verdade, as equipas da capital provincial têm ainda pela frente duas jornadas do torneio em curso que visa torná-las mais robustas para a batalha que se segue, cumpridas que foram quatro jornadas, liderado “Pembinha”, com seis pontos, seguido do Ferroviário de Pemba, com 4, Desportivo com 3, Beira-Mar com 2 e finalmente o Futebol Clube do bairro de Ingonane, com apenas um ponto.

“Não seriam capazes de suportar, preferimos poupá-los para reunirem os recursos para o campeonato propriamente dito. Olha que teriam que se deslocar cinco vezes para Pemba!

Toda a burocracia está a ser cumprida, conforme a fonte, por forma que todas as equipas iniciem o campeonato sem lacunas de ordem legal, embora alguns clubes até ao início desta semana não haviam entregue os atestados médicos.

Amade Ramos disse, por outro lado, que antes do início do campeonato, a 30 de Maio, terá lugar a primeira mão da Taça de Moçambique, fase provincial, se bem que a província de Cabo Delgado se encontre um pouco atrasada relativamente às outras, o que vai acontecer na semana de 23 de Maio.

A primeira mão será entre a Associação Desportiva de Pemba eDesportivo, Ferroviário de Pemba/Clube de Mocímboa da Praia, Atlético de Montepuez/Força de Mudança de Chiúre e Futebol Clube de Ingonane/Beira-Mar de Natite.

PEDRO NACUO

publicado por Vaxko Zakarias às 10:00
 O que é? |  O que é? | favorito
Maio 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
13
16
17
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
tags

todas as tags

mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Joga se hoje em Lichinga ataça de Moçambiqui as fo...
Eu acho que já é o momento para a Federação Moçamb...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
Para auxiliar no treino nada melhor do que receita...
Entao e em 2016 nao havera????
Gostaria de salientar que a tentativa de mínimo nã...
blogs SAPO