Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo
Quarta-feira, 01 DE Abril 2009

O GOVERNO moçambicano, reunido ontem em mais uma sessão ordinária, enalteceu a “forma brilhante e valorosa” como a Selecção Nacional de Futebol se exibiu domingo diante da sua congénere da Nigéria, numa partida que terminou empatada a zero bola.

Presidente Armando Guebuza
Eis, na íntegra, o comunicado do Conselho de Ministros:

“1. No passado dia 29 de Março as atenções de milhões de moçambicanos estiveram voltadas para o Estádio da Machava, local de realização do jogo de futebol entre as selecções nacionais de Moçambique e da Nigéria, no contexto da qualificação para o CAN e para o Mundial de 2010.

2. O Governo de Moçambique:

- Regista a forma brilhante e valorosa como os “Mambas” dignificaram o futebol nacional, bem como todo o movimento popular que se criou à volta do jogo e, em particular, em torno da nossa selecção, e o incansável apoio do público, do primeiro ao último minuto;

- Saúda o público entusiasta que se fez presente no Estádio da Machava e todo o povo moçambicano pela forma como apoiou o combinado nacional, transmitindo todo o seu calor para o bom desempenho dos “Mambas”;

- Saúda, com apreço, o papel da Polícia da República de Moçambique e restantes Forças de Defesa e Segurança, o pessoal da Saúde, a Cruz Vermelha de Moçambique, os transportadores públicos e privados e todos aqueles que, directa ou indirectamente, contribuíram para que esta jornada futebolística dos Mambas decorresse dentro da normalidade e do civismo que é apanágio do nosso povo;

- Enaltece o papel dos órgãos de comunicação social, cujo trabalho foi importante para trazer ao público todas as informações em torno da preparação da selecção, como também para a mobilização dos cidadãos no apoio à nossa equipa.

3. O Governo exorta os briosos “Mambas”, os dirigentes desportivos, a equipa técnica e todo o grupo de apoio a prosseguirem com entusiasmo na senda de assegurar ainda mais alegrias aos moçambicanos.

Maputo, 31 de Março de 2009

publicado por Vaxko Zakarias às 14:44
 O que é? |  O que é? | favorito

O GOVERNO moçambicano, reunido ontem em mais uma sessão ordinária, enalteceu a “forma brilhante e valorosa” como a Selecção Nacional de Futebol se exibiu domingo diante da sua congénere da Nigéria, numa partida que terminou empatada a zero bola.

Presidente Armando Guebuza
Eis, na íntegra, o comunicado do Conselho de Ministros:

“1. No passado dia 29 de Março as atenções de milhões de moçambicanos estiveram voltadas para o Estádio da Machava, local de realização do jogo de futebol entre as selecções nacionais de Moçambique e da Nigéria, no contexto da qualificação para o CAN e para o Mundial de 2010.

2. O Governo de Moçambique:

- Regista a forma brilhante e valorosa como os “Mambas” dignificaram o futebol nacional, bem como todo o movimento popular que se criou à volta do jogo e, em particular, em torno da nossa selecção, e o incansável apoio do público, do primeiro ao último minuto;

- Saúda o público entusiasta que se fez presente no Estádio da Machava e todo o povo moçambicano pela forma como apoiou o combinado nacional, transmitindo todo o seu calor para o bom desempenho dos “Mambas”;

- Saúda, com apreço, o papel da Polícia da República de Moçambique e restantes Forças de Defesa e Segurança, o pessoal da Saúde, a Cruz Vermelha de Moçambique, os transportadores públicos e privados e todos aqueles que, directa ou indirectamente, contribuíram para que esta jornada futebolística dos Mambas decorresse dentro da normalidade e do civismo que é apanágio do nosso povo;

- Enaltece o papel dos órgãos de comunicação social, cujo trabalho foi importante para trazer ao público todas as informações em torno da preparação da selecção, como também para a mobilização dos cidadãos no apoio à nossa equipa.

3. O Governo exorta os briosos “Mambas”, os dirigentes desportivos, a equipa técnica e todo o grupo de apoio a prosseguirem com entusiasmo na senda de assegurar ainda mais alegrias aos moçambicanos.

Maputo, 31 de Março de 2009

publicado por Vaxko Zakarias às 14:44
 O que é? |  O que é? | favorito
AFROBÁSQUETE LÍBIA-2009 - Duelo de rivais começa a definir a qualificação
OS prognósticos e conjecturas confirmam-se! De facto, a luta pela única vaga da Zona VI que dá acesso ao Campeonato Africano de Basquetebol de Seniores Masculinos Líbia-2009 está a ser dirimida entre os rivais Moçambique e África do Sul, que esta noite, a partir das 19.00 horas, no pavilhão do Maxaquene, iniciam a sua série de dois embates de tira-teimas, no final dos quais o vencedor carimbará o passaporte para a grande competição continental.As duas formações, tal como se previa, começaram a prova ganhando ao Zimbabwe: 78-68 os sul-africanos, na segunda-feira, e..... os moçambicanos, ontem.

À excepção de Angola, que basquetebolisticamente pertence à outra galáxia, o equilíbrio entre os países da zona austral de África começa a ser evidente, pelo que a mínima desatenção pode ser fatal. Os resultados verificados nas duas primeiras jornadas são por si só elucidativas, pois, a despeito de terem perdido, os zimbabweanos ofereceram uma grande réplica e prometem vender bastante cara cada derrota, daí se perspectiva uma segunda volta muito mais renhida.

Mas, com as atenções viradas para os confrontos entre moçambicanos e sul-africanos, o primeiro esta noite e o segundo e decisivo no sábado, tudo quanto se augura é uma prestação à altura dos seus desígnios por parte da formação treinada por Carlos Alberto Niquice (Bitcho). Isto porque, numa altura em que temos os olhos virados para a recolocação de Moçambique num lugar de prestígio no panorama continental, a qualificação para o Afrobásquete por direito próprio ajudaria sobremaneira na prossecução deste objectivo.

Animada sob todos os ângulos, a nossa selecção tem a virtude de ser uma mescla entre a veterania e uma juventude irreverente e ávida de chegar à principal montra da bola-ao-cesto continental e aí espelhar todo o seu virtuosismo. Mas, para que isto aconteça, é imperioso que na presente qualificação a equipa seja fundamentalmente pragmática e sem contemplações para ninguém. As amargas lições anteriores diante da África do Sul devem servir de motivo para cerrar os punhos e aplicar-se com toda a determinação.

Evidentemente que, perseguindo também a mesma finalidade de obter o apuramento, os sul-africanos apresentam-se com determinação, mas sem quaisquer vaidades, mesmo reconhecendo o facto de nos terem derrotado nas últimas duas qualificações. É que estão conscientes de que Moçambique conheceu, intramuros, um nível competitivo bastante elevado, patente na Liga Vodacom, situação que naturalmente tem os seus reflexos na selecção.

O Afrobásquete-2009, à semelhança daquilo que sucedeu há dois anos, em terras angolanas, será disputado por 16 selecções. Destas, quatro já se encontram apuradas automaticamente, a saber: Líbia, na qualidade de anfitriã, Angola, Camarões e Cabo Verde, entanto que primeiro, segundo e terceiro classificados do último campeonato.

RESULTADOS E JOGOS

Segunda-feira

Zimbabwe, 68-África do Sul, 78

Ontem

Moçambique, 74-Zimbabwe, 41

PRÓXIMOS JOGOS

Hoje

19:00 – Moçambique-África do Sul

Amanhã

19:00 – África do Sul-Zimbabwe

Sexta-feira

19:00 – Zimbabwe-Moçambique

Sábado

19:00 – África do Sul-Moçambique

publicado por Vaxko Zakarias às 14:37
 O que é? |  O que é? | favorito
AFROBÁSQUETE LÍBIA-2009 - Duelo de rivais começa a definir a qualificação
OS prognósticos e conjecturas confirmam-se! De facto, a luta pela única vaga da Zona VI que dá acesso ao Campeonato Africano de Basquetebol de Seniores Masculinos Líbia-2009 está a ser dirimida entre os rivais Moçambique e África do Sul, que esta noite, a partir das 19.00 horas, no pavilhão do Maxaquene, iniciam a sua série de dois embates de tira-teimas, no final dos quais o vencedor carimbará o passaporte para a grande competição continental.As duas formações, tal como se previa, começaram a prova ganhando ao Zimbabwe: 78-68 os sul-africanos, na segunda-feira, e..... os moçambicanos, ontem.

À excepção de Angola, que basquetebolisticamente pertence à outra galáxia, o equilíbrio entre os países da zona austral de África começa a ser evidente, pelo que a mínima desatenção pode ser fatal. Os resultados verificados nas duas primeiras jornadas são por si só elucidativas, pois, a despeito de terem perdido, os zimbabweanos ofereceram uma grande réplica e prometem vender bastante cara cada derrota, daí se perspectiva uma segunda volta muito mais renhida.

Mas, com as atenções viradas para os confrontos entre moçambicanos e sul-africanos, o primeiro esta noite e o segundo e decisivo no sábado, tudo quanto se augura é uma prestação à altura dos seus desígnios por parte da formação treinada por Carlos Alberto Niquice (Bitcho). Isto porque, numa altura em que temos os olhos virados para a recolocação de Moçambique num lugar de prestígio no panorama continental, a qualificação para o Afrobásquete por direito próprio ajudaria sobremaneira na prossecução deste objectivo.

Animada sob todos os ângulos, a nossa selecção tem a virtude de ser uma mescla entre a veterania e uma juventude irreverente e ávida de chegar à principal montra da bola-ao-cesto continental e aí espelhar todo o seu virtuosismo. Mas, para que isto aconteça, é imperioso que na presente qualificação a equipa seja fundamentalmente pragmática e sem contemplações para ninguém. As amargas lições anteriores diante da África do Sul devem servir de motivo para cerrar os punhos e aplicar-se com toda a determinação.

Evidentemente que, perseguindo também a mesma finalidade de obter o apuramento, os sul-africanos apresentam-se com determinação, mas sem quaisquer vaidades, mesmo reconhecendo o facto de nos terem derrotado nas últimas duas qualificações. É que estão conscientes de que Moçambique conheceu, intramuros, um nível competitivo bastante elevado, patente na Liga Vodacom, situação que naturalmente tem os seus reflexos na selecção.

O Afrobásquete-2009, à semelhança daquilo que sucedeu há dois anos, em terras angolanas, será disputado por 16 selecções. Destas, quatro já se encontram apuradas automaticamente, a saber: Líbia, na qualidade de anfitriã, Angola, Camarões e Cabo Verde, entanto que primeiro, segundo e terceiro classificados do último campeonato.

RESULTADOS E JOGOS

Segunda-feira

Zimbabwe, 68-África do Sul, 78

Ontem

Moçambique, 74-Zimbabwe, 41

PRÓXIMOS JOGOS

Hoje

19:00 – Moçambique-África do Sul

Amanhã

19:00 – África do Sul-Zimbabwe

Sexta-feira

19:00 – Zimbabwe-Moçambique

Sábado

19:00 – África do Sul-Moçambique

publicado por Vaxko Zakarias às 14:37
 O que é? |  O que é? | favorito

MART Nooij já não é técnico dos “Mambas”. Vai, a partir de amanhã, quinta-feira, assumir o comando técnico da selecção nacional de Angola, naquilo que é considerado um duro golpe para os “Mambas”.

O SELECCIONADOR nacional, Mart Nooij
A notícia foi avançada ontem pela Agência Noticiosa de Angola - ANGOP - e confirmada pelo próprio técnico holandês.

Nooij não resistiu a um contrato chorudo apresentado pelos angolanos e passará a receber 75 mil dólares por mês para além de casa, carro e duas passagens de ida e volta para férias na Holanda por ano, portanto cinco vezes mais do que auferia em Moçambique.

Os bons resultados que Mart Nooij tem vindo a conseguir à frente dos “Mambas” foram determinantes para a sua contratação. Aliás, o presidente da Federação Angolana de Futebol, que esteve domingo na Machava a assistir ao jogo Moçambique-Nigéria, não terá resistido ao sistema montado pelo holandês, tendo no final, com o auxílio da Embaixada do seu país em Maputo, conseguido convencer Mart Nooij, que nem pestanejou quando lhe agitaram o “Petrodólares”.

Os maus resultados que os “Palancas Negras” têm registado nos últimos jogos amigáveis terão pesado para a mudança da equipa técnica, pois no próximo ano pretende-se que Angola na qualidade de anfitrião do CAN esteja mais rodado e bastante forte.

Entretanto, Mart Nooij remeteu, ainda ontem, uma carta de pedindo de rescisão de contrato, facto confirmado pelo presidente da Federação Moçambicana de Futebol, Faizal Sidat, que já avançou o nome do Professor Neca, actual treinador da Liga Muçulmana, como o provável “timoneiro” dos “Mambas”.

Recorde-se que Mart Nooij, para além de Angola, era cobiçado por outros “colossos” africanos, como é o caso do Senegal, para onde até chegou a viajar para discutir as condições de trabalho.

publicado por Vaxko Zakarias às 14:23
 O que é? |  O que é? | favorito

MART Nooij já não é técnico dos “Mambas”. Vai, a partir de amanhã, quinta-feira, assumir o comando técnico da selecção nacional de Angola, naquilo que é considerado um duro golpe para os “Mambas”.

O SELECCIONADOR nacional, Mart Nooij
A notícia foi avançada ontem pela Agência Noticiosa de Angola - ANGOP - e confirmada pelo próprio técnico holandês.

Nooij não resistiu a um contrato chorudo apresentado pelos angolanos e passará a receber 75 mil dólares por mês para além de casa, carro e duas passagens de ida e volta para férias na Holanda por ano, portanto cinco vezes mais do que auferia em Moçambique.

Os bons resultados que Mart Nooij tem vindo a conseguir à frente dos “Mambas” foram determinantes para a sua contratação. Aliás, o presidente da Federação Angolana de Futebol, que esteve domingo na Machava a assistir ao jogo Moçambique-Nigéria, não terá resistido ao sistema montado pelo holandês, tendo no final, com o auxílio da Embaixada do seu país em Maputo, conseguido convencer Mart Nooij, que nem pestanejou quando lhe agitaram o “Petrodólares”.

Os maus resultados que os “Palancas Negras” têm registado nos últimos jogos amigáveis terão pesado para a mudança da equipa técnica, pois no próximo ano pretende-se que Angola na qualidade de anfitrião do CAN esteja mais rodado e bastante forte.

Entretanto, Mart Nooij remeteu, ainda ontem, uma carta de pedindo de rescisão de contrato, facto confirmado pelo presidente da Federação Moçambicana de Futebol, Faizal Sidat, que já avançou o nome do Professor Neca, actual treinador da Liga Muçulmana, como o provável “timoneiro” dos “Mambas”.

Recorde-se que Mart Nooij, para além de Angola, era cobiçado por outros “colossos” africanos, como é o caso do Senegal, para onde até chegou a viajar para discutir as condições de trabalho.

publicado por Vaxko Zakarias às 14:23
 O que é? |  O que é? | favorito

DE pequeno se torce o pepino, ou seja, submeter a criança à prática de educação física e desporto desde pequeno é a essência do projecto “Internacional Inspiration” do Reino Unido e que visa formar jovens líderes para fomentarem aquela actividade nas escolas do ensino primário no país.

Pequenada durante alguns exercícios na Secundária Noroeste I
O projecto, que tem como parceiros a UK Sports, British Council, UNICEF e os Ministérios da Educação e Cultura (MEC) e da Juventude e Desportos (MJD), foi lançado segunda-feira na Escola Secundária Noroeste I, na cidade de Maputo, e vai abranger 10 escolas de Maputo-cidade e província, Sofala, Manica, Zambézia, Nampula e Cabo Delgado, que estarão em parceria com o mesmo número de estabelecimentos de ensino do Reino Unido.

Quarenta professores em representação das escolas abrangidas dos dois países (metade para cada lado) estão envolvidos nos trabalhos que se iniciaram com o lançamento do projecto na “Noroeste I”. Os parceiros promoveram um seminário no mesmo dia, em que foram abordados a essência e o alcance do projecto.

O plano é, segundo Laura Forte, da St. Paul’s Academis de Londres, um legado dos próximos Jogos Olímpicos que o Governo Britânico (anfitrião) pegou para alcançar milhões de crianças das quais se espera que despontem os futuros atletas olímpicos. Aliás, segundo explicou, a implementação do projecto é resposta à promessa feita por aquele país europeu antes de ganhar a candidatura para acolher os Jogos.

Em Moçambique espera-se que sejam formados 200 jovens líderes dos 11 aos 16 anos para treinarem crianças, algumas das quais se pretendem que sejam futuros líderes e pioneiros deste movimento em todas as províncias do país.

O principal objectivo é que até os Jogos Olímpicos de Londres, em 2012, tenham sido alcançados 12 milhões de crianças em 20 países em vias de desenvolvimento, alguns dos quais da Ásia, Europa do Leste, Brasil, África do Sul e Nigéria. O projecto já foi implementado na Zâmbia e Azerbeijão.

Daqui a um ano alguns jovens líderes moçambicanos viajarão para Inglaterra para troca de experiências.

Intervindo no seminário sobre o projecto, o director nacional de Programas Especiais, Eurico Banze, apelou aos parceiros para que, no âmbito deste programa, dêem o seu apoio para a capacitação técnica dos professores de educação física, visto que há um maior défice nos poucos recursos humanos disponíveis nesta área.

Salientou que a formação de recursos humanos para esta área constitui o maior desafio do MEC. A este problema junta-se a falta de material desportivo e infra-estruturas desportivas, razão pela qual a educação física e desporto são quase impraticáveis na maior parte das escolas primárias do país.

Por seu turno, Lisa MCManus, da British Council, destacou que a visão do “Internacional Inspiration” é, para além de fomentar nas crianças o gosto pelo desporto, desenvolver as suas capacidades. Aliás, ficou provado que a prática desportiva aumenta as capacidades físicas e intelectuais e proporciona uma saúde sã.

Uma das apostas dos parceiros do projecto é trabalhar com as escolas de modo a equacionarem-se as formas de como envolver o desporto no currículo escolar.

A directora da UNICEF no país, Anjane Mangalagiri, realçou que a parceria servirá de catalisador para o que já foi planificado no país dentro das políticas do Governo.

“Não é para iniciar o processo, porque felizmente a fundação básica já existe. O plano estratégico da Educação inclui políticas do desporto. Aliás, esta diz que Educação Física deve ser parte integrante do ensino O que esta parceria vai trazer são as metodologias e técnicas para tornar a implementação da educação física e desporto numa realidade nas escolas”, frisou aquela dirigente.

publicado por Vaxko Zakarias às 14:14
 O que é? |  O que é? | favorito

DE pequeno se torce o pepino, ou seja, submeter a criança à prática de educação física e desporto desde pequeno é a essência do projecto “Internacional Inspiration” do Reino Unido e que visa formar jovens líderes para fomentarem aquela actividade nas escolas do ensino primário no país.

Pequenada durante alguns exercícios na Secundária Noroeste I
O projecto, que tem como parceiros a UK Sports, British Council, UNICEF e os Ministérios da Educação e Cultura (MEC) e da Juventude e Desportos (MJD), foi lançado segunda-feira na Escola Secundária Noroeste I, na cidade de Maputo, e vai abranger 10 escolas de Maputo-cidade e província, Sofala, Manica, Zambézia, Nampula e Cabo Delgado, que estarão em parceria com o mesmo número de estabelecimentos de ensino do Reino Unido.

Quarenta professores em representação das escolas abrangidas dos dois países (metade para cada lado) estão envolvidos nos trabalhos que se iniciaram com o lançamento do projecto na “Noroeste I”. Os parceiros promoveram um seminário no mesmo dia, em que foram abordados a essência e o alcance do projecto.

O plano é, segundo Laura Forte, da St. Paul’s Academis de Londres, um legado dos próximos Jogos Olímpicos que o Governo Britânico (anfitrião) pegou para alcançar milhões de crianças das quais se espera que despontem os futuros atletas olímpicos. Aliás, segundo explicou, a implementação do projecto é resposta à promessa feita por aquele país europeu antes de ganhar a candidatura para acolher os Jogos.

Em Moçambique espera-se que sejam formados 200 jovens líderes dos 11 aos 16 anos para treinarem crianças, algumas das quais se pretendem que sejam futuros líderes e pioneiros deste movimento em todas as províncias do país.

O principal objectivo é que até os Jogos Olímpicos de Londres, em 2012, tenham sido alcançados 12 milhões de crianças em 20 países em vias de desenvolvimento, alguns dos quais da Ásia, Europa do Leste, Brasil, África do Sul e Nigéria. O projecto já foi implementado na Zâmbia e Azerbeijão.

Daqui a um ano alguns jovens líderes moçambicanos viajarão para Inglaterra para troca de experiências.

Intervindo no seminário sobre o projecto, o director nacional de Programas Especiais, Eurico Banze, apelou aos parceiros para que, no âmbito deste programa, dêem o seu apoio para a capacitação técnica dos professores de educação física, visto que há um maior défice nos poucos recursos humanos disponíveis nesta área.

Salientou que a formação de recursos humanos para esta área constitui o maior desafio do MEC. A este problema junta-se a falta de material desportivo e infra-estruturas desportivas, razão pela qual a educação física e desporto são quase impraticáveis na maior parte das escolas primárias do país.

Por seu turno, Lisa MCManus, da British Council, destacou que a visão do “Internacional Inspiration” é, para além de fomentar nas crianças o gosto pelo desporto, desenvolver as suas capacidades. Aliás, ficou provado que a prática desportiva aumenta as capacidades físicas e intelectuais e proporciona uma saúde sã.

Uma das apostas dos parceiros do projecto é trabalhar com as escolas de modo a equacionarem-se as formas de como envolver o desporto no currículo escolar.

A directora da UNICEF no país, Anjane Mangalagiri, realçou que a parceria servirá de catalisador para o que já foi planificado no país dentro das políticas do Governo.

“Não é para iniciar o processo, porque felizmente a fundação básica já existe. O plano estratégico da Educação inclui políticas do desporto. Aliás, esta diz que Educação Física deve ser parte integrante do ensino O que esta parceria vai trazer são as metodologias e técnicas para tornar a implementação da educação física e desporto numa realidade nas escolas”, frisou aquela dirigente.

publicado por Vaxko Zakarias às 14:14
 O que é? |  O que é? | favorito

O CAMPEONATO da Cidade de Maputo de Futebol, que este ano tem o condão de servir de “ponte” para o Moçambola, arranca sábado com um jogo convidativo entre o Estrela Vermelha e o 1º de Maio

Imagem Corporativa do Clube Estr3ela Vermelha
Este desafio tem um cariz especial, visto que irá colocar frente-a-frente o Estrela Vermelha, equipa que foi despromovida da prova máxima futebolística nacional, o Moçambola, ao campeão da cidade, o 1º de Maio. Posto isto, é de se esperar uma partida muito equilibrada, embora o favoritismo recaia para o lado dos “alaranjados”.

A Académica, um dos potenciais candidatos a conquistar o título, terá pela frente o Nova Aliança. Os “estudantes” já contam com inúmeras presenças no Moçambola, procuram regressar ao convívio dos grandes.

O União FC, segundo classificado na edição passada, mede forças com o Mahafil. Nas duas últimas épocas, o União ocupou a segunda posição e ainda tem na mira o título de campeão.

Noutros jogos entre equipas que não são conotadas como favoritas a almejar o “canecão”, o Beira-Mar bate-se com o Cape Cape, enquanto a turma de Águias Especiais joga com o Zixaxa.

publicado por Vaxko Zakarias às 13:40
 O que é? |  O que é? | favorito

O CAMPEONATO da Cidade de Maputo de Futebol, que este ano tem o condão de servir de “ponte” para o Moçambola, arranca sábado com um jogo convidativo entre o Estrela Vermelha e o 1º de Maio

Imagem Corporativa do Clube Estr3ela Vermelha
Este desafio tem um cariz especial, visto que irá colocar frente-a-frente o Estrela Vermelha, equipa que foi despromovida da prova máxima futebolística nacional, o Moçambola, ao campeão da cidade, o 1º de Maio. Posto isto, é de se esperar uma partida muito equilibrada, embora o favoritismo recaia para o lado dos “alaranjados”.

A Académica, um dos potenciais candidatos a conquistar o título, terá pela frente o Nova Aliança. Os “estudantes” já contam com inúmeras presenças no Moçambola, procuram regressar ao convívio dos grandes.

O União FC, segundo classificado na edição passada, mede forças com o Mahafil. Nas duas últimas épocas, o União ocupou a segunda posição e ainda tem na mira o título de campeão.

Noutros jogos entre equipas que não são conotadas como favoritas a almejar o “canecão”, o Beira-Mar bate-se com o Cape Cape, enquanto a turma de Águias Especiais joga com o Zixaxa.

publicado por Vaxko Zakarias às 13:40
 O que é? |  O que é? | favorito

LUIZ Felipe Scolari é o treinador mais bem pago da actualidade, destronando José Mourinho, de acordo com a edição de terça-feira da France Football.

O seleccionador Nacional, o brasileiro Luiz Felipe Scolari
O técnico português do Inter, com 11 milhões de euros anuais, liderava a lista, mas a saída do ex-seleccionador nacional do Chelsea, em Fevereiro passado, e consequente indemnização, reverteu 12,5 milhões aos bolsos do brasileiro.

Já o actual treinador dos blues, Guus Hiddink, é o terceiro mais bem pago, com nove milhões. Alex Ferguson, do Manchester United, e Juande Ramos, do Real Madrid, estão no quinto e sétimo lugares, respectivamente com 7,6 e 7 milhões.

No que respeita a jogadores, a presença de David Beckham no topo não constitui grande surpresa, já que é, pela segunda época consecutiva, aquele que mais aufere anualmente, desta feita 32,4 milhões de euros. Nos últimos dez anos, o internacional inglês, actualmente no Milan, ascendeu quatro vezes ao topo da lista. Os rossoneri são, aliás, quem mais atletas têm entre os dez primeiros da lista, mas Ronaldinho (19,6) e Kaká (15,1) ganham juntos quase tanto como Beckham.

Segue-se Messi, do Barcelona, entre os mais bem pagos, com 28,6 milhões, mas o argentino não é o único representante dos blaugranas, pois o francês Thierry Henry está na quinta posição, com 17 milhões.

O melhor jogador do mundo, Cristiano Ronaldo, do Manchester United, aparece no quarto posto, com 18,3 milhões, atrás de Ronaldinho e à frente de Henry. Já o companheiro de equipa Wayne Rooney fica pelo oitavo lugar, com menos alguns milhões (ganha 13,5), atrás de Kaká e Ibrahimovic (Inter).

Lista dos dez treinadores mais bem pagos

1. Luiz Felipe Scolari (sem clube): 12,5 milhões

2. José Mourinho (Inter): 11 milhões

3. Guus Hiddink (Chelsea): 9 milhões

4. Fabio Capello (Sel. Inglaterra): 8,5 milhões

5. Alex Ferguson (ManUtd): 7,6 milhões

6. Dick Advocaat (Zenit): 7,5 milhões

7. Juande Ramos (Real Madrid): 7 milhões

8. Arsène Wenger (Arsenal): 6,2 milhões

9. Roberto Mancini (sem clube): 6 milhões

10. Jürgen Klinsmann (Bayern): 5,7 milhões

Lista dos dez jogadores mais bem pagos

1. David Beckham (Milan): 32,4 milhões

2. Lionel Messi (Barcelona): 28,6 milhões

3. Ronaldinho (Milan): 19,6 milhões

4. Cristiano Ronaldo (ManUtd): 18,3 milhões

5. Thierry Henry (Barcelona): 17 milhões

6. Kaká (Milan): 15,1 milhões

7. Ibrahimovic (Inter): 14 milhões

8. Wayne Rooney (ManUtd): 13,5 milhões

9. Frank Lampard (Chelsea): 13 milhões

10. John Terry (Chelsea): 11,7 milhões

publicado por Vaxko Zakarias às 13:31
 O que é? |  O que é? | favorito

LUIZ Felipe Scolari é o treinador mais bem pago da actualidade, destronando José Mourinho, de acordo com a edição de terça-feira da France Football.

O seleccionador Nacional, o brasileiro Luiz Felipe Scolari
O técnico português do Inter, com 11 milhões de euros anuais, liderava a lista, mas a saída do ex-seleccionador nacional do Chelsea, em Fevereiro passado, e consequente indemnização, reverteu 12,5 milhões aos bolsos do brasileiro.

Já o actual treinador dos blues, Guus Hiddink, é o terceiro mais bem pago, com nove milhões. Alex Ferguson, do Manchester United, e Juande Ramos, do Real Madrid, estão no quinto e sétimo lugares, respectivamente com 7,6 e 7 milhões.

No que respeita a jogadores, a presença de David Beckham no topo não constitui grande surpresa, já que é, pela segunda época consecutiva, aquele que mais aufere anualmente, desta feita 32,4 milhões de euros. Nos últimos dez anos, o internacional inglês, actualmente no Milan, ascendeu quatro vezes ao topo da lista. Os rossoneri são, aliás, quem mais atletas têm entre os dez primeiros da lista, mas Ronaldinho (19,6) e Kaká (15,1) ganham juntos quase tanto como Beckham.

Segue-se Messi, do Barcelona, entre os mais bem pagos, com 28,6 milhões, mas o argentino não é o único representante dos blaugranas, pois o francês Thierry Henry está na quinta posição, com 17 milhões.

O melhor jogador do mundo, Cristiano Ronaldo, do Manchester United, aparece no quarto posto, com 18,3 milhões, atrás de Ronaldinho e à frente de Henry. Já o companheiro de equipa Wayne Rooney fica pelo oitavo lugar, com menos alguns milhões (ganha 13,5), atrás de Kaká e Ibrahimovic (Inter).

Lista dos dez treinadores mais bem pagos

1. Luiz Felipe Scolari (sem clube): 12,5 milhões

2. José Mourinho (Inter): 11 milhões

3. Guus Hiddink (Chelsea): 9 milhões

4. Fabio Capello (Sel. Inglaterra): 8,5 milhões

5. Alex Ferguson (ManUtd): 7,6 milhões

6. Dick Advocaat (Zenit): 7,5 milhões

7. Juande Ramos (Real Madrid): 7 milhões

8. Arsène Wenger (Arsenal): 6,2 milhões

9. Roberto Mancini (sem clube): 6 milhões

10. Jürgen Klinsmann (Bayern): 5,7 milhões

Lista dos dez jogadores mais bem pagos

1. David Beckham (Milan): 32,4 milhões

2. Lionel Messi (Barcelona): 28,6 milhões

3. Ronaldinho (Milan): 19,6 milhões

4. Cristiano Ronaldo (ManUtd): 18,3 milhões

5. Thierry Henry (Barcelona): 17 milhões

6. Kaká (Milan): 15,1 milhões

7. Ibrahimovic (Inter): 14 milhões

8. Wayne Rooney (ManUtd): 13,5 milhões

9. Frank Lampard (Chelsea): 13 milhões

10. John Terry (Chelsea): 11,7 milhões

publicado por Vaxko Zakarias às 13:31
 O que é? |  O que é? | favorito

A COSTA do Marfim vai observar um luto nacional de três dias a partir de hoje, na sequência da morte de 19 pessoas domingo, em Abidjan, no decurso do jogo entre aquele país e o Malawi, integrado no grupo de qualificação conjunta o Campeonato Africano das Nações (CAN) e Mundial-2010, anunciou uma fonte oficial.

Durante os três dias de luto as bandeiras serão colocadas à meia-haste e está prevista uma cerimónia de homenagem às vítimas.

Uma reunião presidida pelo primeiro-ministro, Guillaume Soro, realizou-se ontem para apurar as responsabilidades e tomar as medidas que se impõem.

Dezanove pessoas foram mortas e 135 outras feridas numa confusão no Estádio Houphouet-Boigny, em Abidjan.

De salientar que a Costa do Marfim goleou o Malawi por 5-0 e lidera o grupo.

publicado por Vaxko Zakarias às 13:14
 O que é? |  O que é? | favorito

A COSTA do Marfim vai observar um luto nacional de três dias a partir de hoje, na sequência da morte de 19 pessoas domingo, em Abidjan, no decurso do jogo entre aquele país e o Malawi, integrado no grupo de qualificação conjunta o Campeonato Africano das Nações (CAN) e Mundial-2010, anunciou uma fonte oficial.

Durante os três dias de luto as bandeiras serão colocadas à meia-haste e está prevista uma cerimónia de homenagem às vítimas.

Uma reunião presidida pelo primeiro-ministro, Guillaume Soro, realizou-se ontem para apurar as responsabilidades e tomar as medidas que se impõem.

Dezanove pessoas foram mortas e 135 outras feridas numa confusão no Estádio Houphouet-Boigny, em Abidjan.

De salientar que a Costa do Marfim goleou o Malawi por 5-0 e lidera o grupo.

publicado por Vaxko Zakarias às 13:14
 O que é? |  O que é? | favorito

Moçambique está confiante num bom desempenho na fase de apuramento para o Afrobasquete da Libia.

Jogo da Liga Vodacom entre o Desportivo e Ferroviario
O combinado nacional sénior masculino estreia-se hoje diante do Zimbabawe, numa prova que conta ainda com a presença da África do Sul.

Depois de cerca de dois meses de preparação marcada por vários contra-tempos, a selecção sénior masculina de basquetebol inicia nesta terça-feira a sua participação na fase de apuramento para o Campeonato Africano de Basquetebol da categoria, prova esta que terá lugar em Agosto próximo na Líbia.

Na noite de segunda-feira, o combinado nacional este a observar os seus dois adversários nesta prova, o que permitiu ao seleccionador nacional a perspectivar o que será esta eliminatória que conta com a participação da áfrica do Sul e Zimbabawe.

A equipa técnica definiu no último fim-de-semana o grupo dos 12 jogadores que vão atacar esta fase de qualificação, com destaque para a presença de samir Adamo que actua na Espanha.

Os jogadores do combinado nacional estão confiantes numa boa exibição e na qualificação para a etapa seguinte.

A África do Sul tem sido o maior adversário de Moçambique nestas fases de qualificação, pelo que se espera um apuramento que seja decidido nos jogos entre os homens da terra do rand e os rapazes do índico.

Alfredo Júnior

publicado por Vaxko Zakarias às 10:53
 O que é? |  O que é? | favorito

Moçambique está confiante num bom desempenho na fase de apuramento para o Afrobasquete da Libia.

Jogo da Liga Vodacom entre o Desportivo e Ferroviario
O combinado nacional sénior masculino estreia-se hoje diante do Zimbabawe, numa prova que conta ainda com a presença da África do Sul.

Depois de cerca de dois meses de preparação marcada por vários contra-tempos, a selecção sénior masculina de basquetebol inicia nesta terça-feira a sua participação na fase de apuramento para o Campeonato Africano de Basquetebol da categoria, prova esta que terá lugar em Agosto próximo na Líbia.

Na noite de segunda-feira, o combinado nacional este a observar os seus dois adversários nesta prova, o que permitiu ao seleccionador nacional a perspectivar o que será esta eliminatória que conta com a participação da áfrica do Sul e Zimbabawe.

A equipa técnica definiu no último fim-de-semana o grupo dos 12 jogadores que vão atacar esta fase de qualificação, com destaque para a presença de samir Adamo que actua na Espanha.

Os jogadores do combinado nacional estão confiantes numa boa exibição e na qualificação para a etapa seguinte.

A África do Sul tem sido o maior adversário de Moçambique nestas fases de qualificação, pelo que se espera um apuramento que seja decidido nos jogos entre os homens da terra do rand e os rapazes do índico.

Alfredo Júnior

publicado por Vaxko Zakarias às 10:53
 O que é? |  O que é? | favorito
Abril 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
18
19
24
25
26
28
30
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
tags

todas as tags

mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Joga se hoje em Lichinga ataça de Moçambiqui as fo...
Eu acho que já é o momento para a Federação Moçamb...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
Para auxiliar no treino nada melhor do que receita...
Entao e em 2016 nao havera????
Gostaria de salientar que a tentativa de mínimo nã...
blogs SAPO