Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo
Quarta-feira, 25 DE Fevereiro 2009
Ilídio Caifaz, presidente da FMB (segundo da esq para dir.)
É JÁ no dia 7 de Março que arrancam as competições em todas as províncias do país. Esta é a indicação e a vontade manifestada pela Federação Moçambicana de Basquetebol (FMB), que pretende fazer de 2009 um ano em cheio para os amantes da bola-ao-cesto.

Com efeito, está programada uma série de provas, entre nacionais e estrangeiras, com destaque a nível doméstico para a introdução da Taça de Moçambique em Seniores Masculinos, uma inovação da FMB que promete ser espectacular e emocionante, visto que envolverá equipas de variadas divisões da nata da bola-ao-cesto.

A nível internacional, destaque vai para a primeira edição do Campeonato Africano de Sub-16, evento que se realizará na capital do país entre 24 de Julho e 2 de Agosto.

De resto, os adeptos do básquete não poderão se queixar de não terem a oportunidade de assistir a jogos de primeira água, pois de 28 de Março a 4 de Abril, a cidade de Maputo será anfitriã da fase preliminar de acesso à fase final do Campeonato Africano de Seniores Masculinos, prova que nos últimos anos tem sido dominada por Angola.

Ainda na vertente internacional há que salientar a realização da Taça dos Clubes Campeões em femininos, competição em que o Desportivo é bicampeão. Porquanto os moçambicanos estão ávidos para verem as águias atacarem o tri em Outubro.

O Campeonato Mundial de Sub-19, em femininos, de Banguecoque, Tailândia, é outra que prova que estará no centro das atenções, isto entre 23 de Julho a 2 de Agosto, bem como os Jogos da Lusofonia e as Universíadas Mundiais, provas aprazadas para Julho.

O número de provas previstas para este ano enche de satisfação Ilídio Caifaz, presidente da FMB, mas ao mesmo tempo será uma boa dor de cabeça para o dirigente visto que terá que articular as provas nacionais com as internacionais, facto que tem criado alguns sobressaltos no plano de actividades.

Todavia, aquele dirigente falando ontem aos órgãos de comunicação social, no decurso de uma conferência de imprensa, mostrou-se despreocupado com esta situação: tudo está a ser articulado para que não haja qualquer tipo de falha. O programa das provas nacionais será idealizado de acordo com o plano de eventos internacionais.

Aliás, o presente ano será de carga também a nível de provas domésticas, se se atender que para além da introdução da Taça de Moçambique está prevista a realização do Festival de Iniciação de Sub-14, o Torneio da Independência em Juvenis e Juniores e o Campeonato Nacional de Selecções Provinciais em juvenis.

Imagem Corporativa da liga vodacom
Ainda a nível de provas nacionais, importa referir a realização da segunda edição da Liga Nacional de Basquetebol – Vodacom em seniores masculinos, prova que encheu de prestigio não só a referida modalidade como o desporto no geral. É uma das prioridades da FMB garantir mais uma vez o sucesso desta prova.

Ilídio Caifaz manifestou a vontade de ver, este ano, uma Liga semelhante, mas em femininos. Para o efeito diz ter feito alguns contactos à busca de patrocínios.

À margem destas competições, a FMB pretende desenvolver várias acções de formação que passam pela capacitação de treinadores de nível II da FIIBA.

A formação de comissários, árbitros e juízes é outra das actividades das inúmeras actividades programadas para este ano. É desejo de Ilídio Caifaz ver os árbitros renovarem as suas carteiras de árbitros internacionais.

publicado por Vaxko Zakarias às 16:14
 O que é? |  O que é? | favorito
Ilídio Caifaz, presidente da FMB (segundo da esq para dir.)
É JÁ no dia 7 de Março que arrancam as competições em todas as províncias do país. Esta é a indicação e a vontade manifestada pela Federação Moçambicana de Basquetebol (FMB), que pretende fazer de 2009 um ano em cheio para os amantes da bola-ao-cesto.

Com efeito, está programada uma série de provas, entre nacionais e estrangeiras, com destaque a nível doméstico para a introdução da Taça de Moçambique em Seniores Masculinos, uma inovação da FMB que promete ser espectacular e emocionante, visto que envolverá equipas de variadas divisões da nata da bola-ao-cesto.

A nível internacional, destaque vai para a primeira edição do Campeonato Africano de Sub-16, evento que se realizará na capital do país entre 24 de Julho e 2 de Agosto.

De resto, os adeptos do básquete não poderão se queixar de não terem a oportunidade de assistir a jogos de primeira água, pois de 28 de Março a 4 de Abril, a cidade de Maputo será anfitriã da fase preliminar de acesso à fase final do Campeonato Africano de Seniores Masculinos, prova que nos últimos anos tem sido dominada por Angola.

Ainda na vertente internacional há que salientar a realização da Taça dos Clubes Campeões em femininos, competição em que o Desportivo é bicampeão. Porquanto os moçambicanos estão ávidos para verem as águias atacarem o tri em Outubro.

O Campeonato Mundial de Sub-19, em femininos, de Banguecoque, Tailândia, é outra que prova que estará no centro das atenções, isto entre 23 de Julho a 2 de Agosto, bem como os Jogos da Lusofonia e as Universíadas Mundiais, provas aprazadas para Julho.

O número de provas previstas para este ano enche de satisfação Ilídio Caifaz, presidente da FMB, mas ao mesmo tempo será uma boa dor de cabeça para o dirigente visto que terá que articular as provas nacionais com as internacionais, facto que tem criado alguns sobressaltos no plano de actividades.

Todavia, aquele dirigente falando ontem aos órgãos de comunicação social, no decurso de uma conferência de imprensa, mostrou-se despreocupado com esta situação: tudo está a ser articulado para que não haja qualquer tipo de falha. O programa das provas nacionais será idealizado de acordo com o plano de eventos internacionais.

Aliás, o presente ano será de carga também a nível de provas domésticas, se se atender que para além da introdução da Taça de Moçambique está prevista a realização do Festival de Iniciação de Sub-14, o Torneio da Independência em Juvenis e Juniores e o Campeonato Nacional de Selecções Provinciais em juvenis.

Imagem Corporativa da liga vodacom
Ainda a nível de provas nacionais, importa referir a realização da segunda edição da Liga Nacional de Basquetebol – Vodacom em seniores masculinos, prova que encheu de prestigio não só a referida modalidade como o desporto no geral. É uma das prioridades da FMB garantir mais uma vez o sucesso desta prova.

Ilídio Caifaz manifestou a vontade de ver, este ano, uma Liga semelhante, mas em femininos. Para o efeito diz ter feito alguns contactos à busca de patrocínios.

À margem destas competições, a FMB pretende desenvolver várias acções de formação que passam pela capacitação de treinadores de nível II da FIIBA.

A formação de comissários, árbitros e juízes é outra das actividades das inúmeras actividades programadas para este ano. É desejo de Ilídio Caifaz ver os árbitros renovarem as suas carteiras de árbitros internacionais.

publicado por Vaxko Zakarias às 16:14
 O que é? |  O que é? | favorito

MUITA ansiedade reina à volta do Moçambola-2009, cuja cerimónia de abertura terá lugar a 7 de Março na cidade de Tete, quando um dos representantes da província, o Chingale, receber o Maxaquene.

Técnicos e dirigentes das equipas participantes concertam posições à procura de tapar uma e outra lacuna que ainda sobra na equipa para não passarem por situações de lamentações já depois do evento ter começado.

Contudo, tudo parece já estar nos pontos, tal como afirmam o técnico do Desportivo, Artur Semedo, e os dirigentes do Maxaquene e do HCB, abordados pela nossa Reportagem. Ora vejamos a posição de cada um deles a propósito do arranque da prova.

Teremos um Desportivo vencedor - Artur Semedo
Teremos um Desportivo vencedor - Artur Semedo


CONTRA o FC Lichinga teremos um Desportivo vencedor. Estamos ainda a prepararmo-nos e até lá estaremos em condições razoáveis para começarmos o campeonato com uma vitória, Artur Semedo, treinador dos alvi-negros traçando boas perspectivas para o primeiro desafio do Moçambola.

Sobre o FC Lichinga, Semedo disse não ter conhecimento da sua maneira de jogar e sobre os jogadores já que tem um novo treinador. Não sei nada sobre o FC Lichinga, porque ainda não o vi jogar. Certamente que tem um novo modelo de jogo, visto que tem um novo treinador. Mas nos últimos anos tem-se apresentado muito bem e demonstrado ser equilibrado, frisou.

José Costa, presidente do HCB do Songo
Não será fácil - José Costa, HCB

COMEÇAR com a Liga Muçulmana é sempre muito difícil, pois é uma das equipas candidatas à conquista do título. Penso que o facto de jogarmos fora de casa dificulta ainda mais a nossa tarefa”, José Costa, presidente do HCB do Songo, comentando o sorteio que os colocou diante dos muçulmanos na primeira ronda.

No entanto, o dirigente refere que o HCB tem condições para surpreender a Liga, até porque, de acordo com ele, o grupo está forte.

“Viremos a Maputo para contrariar ao máximo o favoritismo da Liga e lutar pelos três pontos. É dessa forma que iremos encarar todos os jogos com elevado espírito de vitória”, frisou.

Samuel Maibasse, porta-voz dos “tricolores”
É um terreno tradicionalmente difícil - Samuel Maibasse, Maxaquene


VAMOS iniciar o campeonato num terreno muito difícil e que por tradição temos muitas dificuldades em ganhar.

Teremos que estar atentos por forma a corrigir os erros cometidos anteriormente e começarmos a prova a ganhar, afinal este é o desejo do Maxaquene, palavras de Samuel Maibasse, porta-voz dos tricolores comentando o sorteio que colocou o Chingale no caminho do Maxaquene pelo terceiro ano consecutivo.

Maibasse deposita muita fé numa boa prestação da equipa tricolor, que, de acordo com ele, está a realizar um início de época muito bom e por isso estão criadas as condições para ir a Tete superar o Chingale
publicado por Vaxko Zakarias às 15:55
 O que é? |  O que é? | favorito

MUITA ansiedade reina à volta do Moçambola-2009, cuja cerimónia de abertura terá lugar a 7 de Março na cidade de Tete, quando um dos representantes da província, o Chingale, receber o Maxaquene.

Técnicos e dirigentes das equipas participantes concertam posições à procura de tapar uma e outra lacuna que ainda sobra na equipa para não passarem por situações de lamentações já depois do evento ter começado.

Contudo, tudo parece já estar nos pontos, tal como afirmam o técnico do Desportivo, Artur Semedo, e os dirigentes do Maxaquene e do HCB, abordados pela nossa Reportagem. Ora vejamos a posição de cada um deles a propósito do arranque da prova.

Teremos um Desportivo vencedor - Artur Semedo
Teremos um Desportivo vencedor - Artur Semedo


CONTRA o FC Lichinga teremos um Desportivo vencedor. Estamos ainda a prepararmo-nos e até lá estaremos em condições razoáveis para começarmos o campeonato com uma vitória, Artur Semedo, treinador dos alvi-negros traçando boas perspectivas para o primeiro desafio do Moçambola.

Sobre o FC Lichinga, Semedo disse não ter conhecimento da sua maneira de jogar e sobre os jogadores já que tem um novo treinador. Não sei nada sobre o FC Lichinga, porque ainda não o vi jogar. Certamente que tem um novo modelo de jogo, visto que tem um novo treinador. Mas nos últimos anos tem-se apresentado muito bem e demonstrado ser equilibrado, frisou.

José Costa, presidente do HCB do Songo
Não será fácil - José Costa, HCB

COMEÇAR com a Liga Muçulmana é sempre muito difícil, pois é uma das equipas candidatas à conquista do título. Penso que o facto de jogarmos fora de casa dificulta ainda mais a nossa tarefa”, José Costa, presidente do HCB do Songo, comentando o sorteio que os colocou diante dos muçulmanos na primeira ronda.

No entanto, o dirigente refere que o HCB tem condições para surpreender a Liga, até porque, de acordo com ele, o grupo está forte.

“Viremos a Maputo para contrariar ao máximo o favoritismo da Liga e lutar pelos três pontos. É dessa forma que iremos encarar todos os jogos com elevado espírito de vitória”, frisou.

Samuel Maibasse, porta-voz dos “tricolores”
É um terreno tradicionalmente difícil - Samuel Maibasse, Maxaquene


VAMOS iniciar o campeonato num terreno muito difícil e que por tradição temos muitas dificuldades em ganhar.

Teremos que estar atentos por forma a corrigir os erros cometidos anteriormente e começarmos a prova a ganhar, afinal este é o desejo do Maxaquene, palavras de Samuel Maibasse, porta-voz dos tricolores comentando o sorteio que colocou o Chingale no caminho do Maxaquene pelo terceiro ano consecutivo.

Maibasse deposita muita fé numa boa prestação da equipa tricolor, que, de acordo com ele, está a realizar um início de época muito bom e por isso estão criadas as condições para ir a Tete superar o Chingale
publicado por Vaxko Zakarias às 15:55
 O que é? |  O que é? | favorito

À MEDIDA que se vai aproximando o Campeonato do Mundo de Hóquei em Patins do Grupo A que se realiza em Vigo e Pontevedra, Espanha, cujo início está aprazado para 3 de Julho, criam-se condições para que a Selecção Nacional tenha uma preparação à altura de uma competição do género.

Criada comissão técnica para servir a selecção hoquei
É neste sentido que foi recentemente criada a comissão técnica que se encarregará de apetrechar a selecção dentro e fora de campo. O grupo é composto por nove elementos, onde se destaca a integração de Nazir Salé, o conceituado treinador de básquete, que desempenhará a função de preparador físico, e de José Barberas, treinador espanhol, indicado para programar os jogos da Selecção Nacional durante o estágio pré-competitivo de três semanas que efectuará no Centro de Alto Rendimento de Barcelona - Catalunha nas vésperas do Campeonato do Mundo.

José Barberas estará encarregue de auxiliar Pedro Pimentel, seleccionador nacional nos trabalhos de campo. Pedro Pimentel terá como treinador-adjunto Júlio Mungói.

No tocante à componente organizativa de programação preparatória foram indicados Sandro dos Santos e António Nabais, coordenador da selecção e director técnico, respectivamente. A este grupo junta-se José Carlos Pereira, que exercerá a função de conselheiro técnico. Completam o lote Abel Manhiça, massagista/fisiterapeuta, e Zefanias Taimo, roupeiro/mecânico.

Sandro dos Santos, coordenador da comitiva nacional, disse que a partida para o Centro de Alto Rendimento de Barcelona está prevista para o início de Junho, enquanto para Vigo será três dias antes do início da prova.

O dirigente afirmou que em Barcelona Moçambique realizará maior número de jogos possível por forma a ter um andamento competitivo em condições de participar num Mundial. Moçambique está incluso no Grupo A, juntamente com a Espanha, Angola e Colômbia.

publicado por Vaxko Zakarias às 15:30
 O que é? |  O que é? | favorito

À MEDIDA que se vai aproximando o Campeonato do Mundo de Hóquei em Patins do Grupo A que se realiza em Vigo e Pontevedra, Espanha, cujo início está aprazado para 3 de Julho, criam-se condições para que a Selecção Nacional tenha uma preparação à altura de uma competição do género.

Criada comissão técnica para servir a selecção hoquei
É neste sentido que foi recentemente criada a comissão técnica que se encarregará de apetrechar a selecção dentro e fora de campo. O grupo é composto por nove elementos, onde se destaca a integração de Nazir Salé, o conceituado treinador de básquete, que desempenhará a função de preparador físico, e de José Barberas, treinador espanhol, indicado para programar os jogos da Selecção Nacional durante o estágio pré-competitivo de três semanas que efectuará no Centro de Alto Rendimento de Barcelona - Catalunha nas vésperas do Campeonato do Mundo.

José Barberas estará encarregue de auxiliar Pedro Pimentel, seleccionador nacional nos trabalhos de campo. Pedro Pimentel terá como treinador-adjunto Júlio Mungói.

No tocante à componente organizativa de programação preparatória foram indicados Sandro dos Santos e António Nabais, coordenador da selecção e director técnico, respectivamente. A este grupo junta-se José Carlos Pereira, que exercerá a função de conselheiro técnico. Completam o lote Abel Manhiça, massagista/fisiterapeuta, e Zefanias Taimo, roupeiro/mecânico.

Sandro dos Santos, coordenador da comitiva nacional, disse que a partida para o Centro de Alto Rendimento de Barcelona está prevista para o início de Junho, enquanto para Vigo será três dias antes do início da prova.

O dirigente afirmou que em Barcelona Moçambique realizará maior número de jogos possível por forma a ter um andamento competitivo em condições de participar num Mundial. Moçambique está incluso no Grupo A, juntamente com a Espanha, Angola e Colômbia.

publicado por Vaxko Zakarias às 15:30
 O que é? |  O que é? | favorito

FERNANDO Lucas e Betinho Gervásio, em masculinos, Sara Colasso e Mauana Elias, em femininos, são os atletas eleitos para participar no Campeonato Regional de Corta Mato em Seniores, a realizar-se no sábado em Port Louis, Maurícias, decidiu ontem a Federação Moçambicana de Atletismo.


Ficou assim assente que Fernando Lucas e Betinho Gervásio, ambos do Matchedje, vencedores do Campeonato Nacional de Corta-Mato no ano passado, em seniores e juniores, respectivamente, fossem os escolhidos para defender as cores nacionais.


Em femininos, Sara Colasso e Mauana Elias, campeãs nacionais em seniores e juniores, respectivamente, ficaram com a responsabilidade de representar o país. Ambas as atletas são provenientes da província de Manica, mais concretamente da Liga Muçulmana e Sport Clube do Chimoio.

Ficou ainda por indicar o seleccionador, sendo que os técnicos do Matchedje são os potenciais concorrentes.

A partida da equipa nacional está prevista para sexta-feira. Entretanto, a FMA aguarda que o Fundo de Promoção Desportiva disponibilize as verbas referentes à viagem. 

A Selecção Nacional procurará nas Maurícias limpar a má imagem deixada no ano passado na Zâmbia, onde ocupou a sétima posição sem nenhuma medalha.

A melhor participação foi em 2007, ano em que Moçambique subiu ao pódio após ter conquistado o terceiro lugar.

Participam na prova Moçambique, África do Sul, Maurícias, Zimbabwe, Angola, Namíbia, Botswana e Zâmbia.
publicado por Vaxko Zakarias às 13:35
 O que é? |  O que é? | favorito

FERNANDO Lucas e Betinho Gervásio, em masculinos, Sara Colasso e Mauana Elias, em femininos, são os atletas eleitos para participar no Campeonato Regional de Corta Mato em Seniores, a realizar-se no sábado em Port Louis, Maurícias, decidiu ontem a Federação Moçambicana de Atletismo.


Ficou assim assente que Fernando Lucas e Betinho Gervásio, ambos do Matchedje, vencedores do Campeonato Nacional de Corta-Mato no ano passado, em seniores e juniores, respectivamente, fossem os escolhidos para defender as cores nacionais.


Em femininos, Sara Colasso e Mauana Elias, campeãs nacionais em seniores e juniores, respectivamente, ficaram com a responsabilidade de representar o país. Ambas as atletas são provenientes da província de Manica, mais concretamente da Liga Muçulmana e Sport Clube do Chimoio.

Ficou ainda por indicar o seleccionador, sendo que os técnicos do Matchedje são os potenciais concorrentes.

A partida da equipa nacional está prevista para sexta-feira. Entretanto, a FMA aguarda que o Fundo de Promoção Desportiva disponibilize as verbas referentes à viagem. 

A Selecção Nacional procurará nas Maurícias limpar a má imagem deixada no ano passado na Zâmbia, onde ocupou a sétima posição sem nenhuma medalha.

A melhor participação foi em 2007, ano em que Moçambique subiu ao pódio após ter conquistado o terceiro lugar.

Participam na prova Moçambique, África do Sul, Maurícias, Zimbabwe, Angola, Namíbia, Botswana e Zâmbia.
publicado por Vaxko Zakarias às 13:35
 O que é? |  O que é? | favorito

INICIOU-SE segunda-feira, na cidade de Nampula, um curso de reciclagem dos árbitros que vão dirigir os jogos do Moçambola da presente época e não só, como aqueles que se filiaram nas comissões provinciais de árbitros da zona norte, incluindo a Zambézia, num total de 30.
 

Segundo Alfredo Chirindza, antigo árbitro e agora instrutor e representante regional da Comissão Nacional de Árbitros de Futebol (CNAF), o curso tem como objectivo capacitar alguns juízes por forma a melhorar o seu desempenho durante o campeonato. 

Entretanto, Chirindza aponta alguns constrangimentos na formação destes e outros árbitros que, apesar de demonstrarem a sua vontade e capacidade de aprender, se deparam com problemas de ordem logística, nomeadamente a falta de material didáctico. Porém, essas dificuldades poderão ser ultrapassadas durante a reciclagem, que durará quatro dias.

“O que nós queremos como instrutores é que os nossos colegas que estão no activo assimilem a parte técnica e a condição física, sem olharem para as dificuldades que estamos a enfrentar. Como pode observar, os árbitros provenientes do Niassa, Cabo Delgado, Zambézia e alguns distritos de Nampula, como Nacala e Angoche, vieram para a reciclagem às suas expensas”, anotou Alfredo Chirindza.
publicado por Vaxko Zakarias às 12:54
 O que é? |  O que é? | favorito

INICIOU-SE segunda-feira, na cidade de Nampula, um curso de reciclagem dos árbitros que vão dirigir os jogos do Moçambola da presente época e não só, como aqueles que se filiaram nas comissões provinciais de árbitros da zona norte, incluindo a Zambézia, num total de 30.
 

Segundo Alfredo Chirindza, antigo árbitro e agora instrutor e representante regional da Comissão Nacional de Árbitros de Futebol (CNAF), o curso tem como objectivo capacitar alguns juízes por forma a melhorar o seu desempenho durante o campeonato. 

Entretanto, Chirindza aponta alguns constrangimentos na formação destes e outros árbitros que, apesar de demonstrarem a sua vontade e capacidade de aprender, se deparam com problemas de ordem logística, nomeadamente a falta de material didáctico. Porém, essas dificuldades poderão ser ultrapassadas durante a reciclagem, que durará quatro dias.

“O que nós queremos como instrutores é que os nossos colegas que estão no activo assimilem a parte técnica e a condição física, sem olharem para as dificuldades que estamos a enfrentar. Como pode observar, os árbitros provenientes do Niassa, Cabo Delgado, Zambézia e alguns distritos de Nampula, como Nacala e Angoche, vieram para a reciclagem às suas expensas”, anotou Alfredo Chirindza.
publicado por Vaxko Zakarias às 12:54
 O que é? |  O que é? | favorito

A SELEÇÃO da Zâmbia vai, mais uma vez, no Grupo A, defrontar um colosso, o Senegal, desta feita para a segunda jornada do “Africano” das Nações (CHAN) para jogadores que actuam nos campeonatos internos.A outra partida de hoje também vai opor um representante da zona, a Tanzania, à anfitriã, Costa do Marfim.
 

A Zâmbia comanda o grupo com três pontos frutos da vitória folgada de 3-0 frente à Costa do Marfim, domingo, na abertura do evento. O Senegal, também com os mesmos pontos dos zambianos, conseguidos diante da Tanzania, segue em segundo, pelo que hoje se saberá quem é verdadeiramente forte nesta série. 

Já amanhã, para o Grupo B, a Líbia joga com o Gana e o Zimbabwe com a RD Congo. 

Eis os resultados da primeira jornada:

RD Congo, 2-Líbia, 0

Gana, 2-Zimbabwe, 2

Senegal, 1-Tanzania, 0

Costa do Marfim, 0-Zâmbia, 3
publicado por Vaxko Zakarias às 12:41
 O que é? |  O que é? | favorito

A SELEÇÃO da Zâmbia vai, mais uma vez, no Grupo A, defrontar um colosso, o Senegal, desta feita para a segunda jornada do “Africano” das Nações (CHAN) para jogadores que actuam nos campeonatos internos.A outra partida de hoje também vai opor um representante da zona, a Tanzania, à anfitriã, Costa do Marfim.
 

A Zâmbia comanda o grupo com três pontos frutos da vitória folgada de 3-0 frente à Costa do Marfim, domingo, na abertura do evento. O Senegal, também com os mesmos pontos dos zambianos, conseguidos diante da Tanzania, segue em segundo, pelo que hoje se saberá quem é verdadeiramente forte nesta série. 

Já amanhã, para o Grupo B, a Líbia joga com o Gana e o Zimbabwe com a RD Congo. 

Eis os resultados da primeira jornada:

RD Congo, 2-Líbia, 0

Gana, 2-Zimbabwe, 2

Senegal, 1-Tanzania, 0

Costa do Marfim, 0-Zâmbia, 3
publicado por Vaxko Zakarias às 12:41
 O que é? |  O que é? | favorito

CHARLES Barkley, antiga estrela da NBA, vai ter de cumprir pena de prisão, depois de se ter admitido culpado por conduzir sob influência de álcool. É o epílogo de uma história que fez correr rios de tinta nos Estados Unidos, até porque tinha pormenores picantes. Além do excesso de álcool, Barkley também passou um sinal de “Stop”, tendo depois explicado à Polícia que estava com pressa para praticar sexo oral, que lhe tinha sido prometido pela sua companheira no automóvel.  
 

O ex-jogador, que tem lugar no “Hall of fame” da NBA e fez parte da “Dream Team” norte-americana que maravilhou o mundo nos Jogos Olímpicos de 1992, sempre foi conhecido pelo seu estilo irreverente. 

Mas desta vez “Sir” Charles, como gosta de ser conhecido, terá ido longe demais. No incidente em causa, que ocorreu na noite de passagem de ano, Barkley recusou-se a soprar o balão, tendo a Polícia precisado de fazer um teste sanguíneo para apurar o nível de alcoolemia. 

Por causa de tudo isto, Barkley esteve dois meses afastado do seu cargo de comentador da NBA no canal TNT. Só voltou depois de um pedido de desculpas em directo. Agora, declarou-se culpado das acusações e terá que cumprir cinco dias de prisão, além de participar numa aula de educação sobre álcool.
publicado por Vaxko Zakarias às 12:16
 O que é? |  O que é? | favorito

CHARLES Barkley, antiga estrela da NBA, vai ter de cumprir pena de prisão, depois de se ter admitido culpado por conduzir sob influência de álcool. É o epílogo de uma história que fez correr rios de tinta nos Estados Unidos, até porque tinha pormenores picantes. Além do excesso de álcool, Barkley também passou um sinal de “Stop”, tendo depois explicado à Polícia que estava com pressa para praticar sexo oral, que lhe tinha sido prometido pela sua companheira no automóvel.  
 

O ex-jogador, que tem lugar no “Hall of fame” da NBA e fez parte da “Dream Team” norte-americana que maravilhou o mundo nos Jogos Olímpicos de 1992, sempre foi conhecido pelo seu estilo irreverente. 

Mas desta vez “Sir” Charles, como gosta de ser conhecido, terá ido longe demais. No incidente em causa, que ocorreu na noite de passagem de ano, Barkley recusou-se a soprar o balão, tendo a Polícia precisado de fazer um teste sanguíneo para apurar o nível de alcoolemia. 

Por causa de tudo isto, Barkley esteve dois meses afastado do seu cargo de comentador da NBA no canal TNT. Só voltou depois de um pedido de desculpas em directo. Agora, declarou-se culpado das acusações e terá que cumprir cinco dias de prisão, além de participar numa aula de educação sobre álcool.
publicado por Vaxko Zakarias às 12:16
 O que é? |  O que é? | favorito
Fevereiro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
14
15
20
21
22
26
27
28
subscrever feeds
tags

todas as tags

mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Joga se hoje em Lichinga ataça de Moçambiqui as fo...
Eu acho que já é o momento para a Federação Moçamb...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
Para auxiliar no treino nada melhor do que receita...
Entao e em 2016 nao havera????
Gostaria de salientar que a tentativa de mínimo nã...
blogs SAPO