Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo
Sexta-feira, 19 DE Abril 2013

A LIGA Muçulmana vai defrontar domingo, no seu campo, pelas 15.00 horas, o Wydad Casablanca de Marrocos em partida da primeira “mão” da terceira eliminatória de acesso à fase de grupos da Taça CAF.

 

Hoje a Liga realiza o último treino, num dia em que pode ficar definido se Josephy joga ou não. O internacional malawiano lesionou-se no jogo de quarta-feira diante do Ferroviário de Nampula e teve que sair mesmo, aos 76 minutos, deixando a sua equipa a jogar com menos uma unidade, visto que Litos já tinha esgotado as substituições.

 

 

Precaução ou não, o futebolista que vai sendo por estas alturas indispensável nas manobras ofensivas do combinado “muçulmano” foi retirado do campo e pode ser a grande baixa.

 

 

A confirmar-se a ausência de Josephy, sobe para três o número de jogadores entregues ao departamento médico. Reginaldo e Zicco, também lesionados, são baixas confirmadas.

 

 

Num desafio em que é fundamental fazer golos em casa de modo a seguir para a segunda “mão” com alguma tranquilidade, Litos já se tinha visto desprovido de dois jogadores de área e agora está na iminência de ficar sem o seu trunfo-mor.

 

 

Mas com ou sem Josephy, a Liga vai ensaiando a melhor estratégia para ganhar, em Maputo, vantagem na eliminatória. O facto de a Liga dispor de um leque de jogadores de alto gabarito permite pensar em bons resultados. No jogo de quarta-feira com o Ferroviário de Nampula ficou evidente que o combinado “muçulmano” pode obter bons resultados com jogadores menos utilizados. Jogadores como Imo, Rachide e Hélder Pelembe não foram primeira opção na eliminatória anterior diante do Lobi Stars, mas deram o ar da sua graça.

 

 

Aliás, Pelembe sem ter feito parte do onze titular já conta com cinco golos esta época o que espelha o equilíbrio de valores no plantel da Liga Muçulmana.

 

 

Entretanto, o quarteto de arbitragem será todo ele do Zimbabwe, enquanto o comissário da CAF virá da Tanzânia. Todos são esperados hoje na capital do país, assim como a equipa do Wydad Casablanca.

Entrada livre

 

AS entradas para o jogo Liga Muçulmana-Wydad Casablanca de Marrocos serão gratuitos, anunciou quarta-feira um membro da direcção “muçulmana”.

 

 

À semelhança do que tinha acontecido no embate com o Lobi Stars da Nigéria, a direcção da Liga decidiu decretar entradas livres de modo a que o campo (capacidade 3000 espectadores) esteja lotado.

 

 

No desafio frente ao Lobi Stars, o apoio do público foi determinante para a turma moçambicana virar a eliminatória a seu favor (7-1) depois de ter perdido na Nigéria (3-1).

 

 

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 12:16
 O que é? |  O que é? | favorito
Abril 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
13
14
20
21
27
28
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

tags

todas as tags

mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Joga se hoje em Lichinga ataça de Moçambiqui as fo...
Eu acho que já é o momento para a Federação Moçamb...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
Para auxiliar no treino nada melhor do que receita...
Entao e em 2016 nao havera????
Gostaria de salientar que a tentativa de mínimo nã...
blogs SAPO