Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo
Quinta-feira, 23 DE Agosto 2012

O Ferroviário de Pemba carimbou o passaporte com vista à Fase Nacional da Taça de  Moçambique/mCel ao derrotar, ontem, no Estádio Municipal 1.º de Maio de Lichinga o Mandimba Futebol Clube por 2-1.

 

O Mandimba, apoiado pelo público que enchia o campo (há mesmo sede de futebol!), entrou a pressionar e, aos 13 minutos, Joaquim abriu o activo, por intermédio de Joaquim. Com este tento, a turma da casa galvanizou-se, chegando sempre primeiro no meio-campo adversário mas, a partir daqui, as jogadas não encontravam a sequência necessária para alimentar o único homem colocado na dianteira.

 

 

Por sua vez, os “locomotivas” de Pemba, mercê da sua experiência e rodagem, partiam em contra-ataque, com jogadas perigosas. Foi nesta toada de jogo que a equipa agora comandada por Zé Augusto conseguiu empatar a partida, aos 23 minutos, por Vivaldo, o mesmo jogador que, aos 41 minutos, viria a “bisar”, ao apontar o tento que afastaria o Mandimba da Fase Regional da competição.

 

 

Na segunda parte, quando mais se esperava dos donos da casa, eis que a turma visitante se agigantou e passou a “viver” na área contrária, com o guardião do Futebol Clube a denotar grande falta de segurança.

 

 

Porém, o Mandimba Futebol Clube viria a acordar à passagem do minuto 30, quando começou a aparecer mais vezes à baliza contrária, mas sem criar grande perigo para o guarda-redes dos “locomotivas” de Pemba, que soube aproveitar bem a passividade do árbitro para “queimar” tempo.

 

 

Foi nesse período que numa jogada do Mandimba o público reclamou um penalte, alegadamente para castigar uma mão dum jogador da equipa visitante. No local onde nos encontrávamos não foi possível descortinar com precisão se houve ou não mão à bola.

No cômputo geral, a equipa de arbitragem realizou um bom trabalho, não tendo influenciado no resultado final.

 

 

De recordar que na véspera do jogo, o Governador da província do Niassa, David Ngoane Malizane, havia procedido à entrega ao Mandimba de um jogo de equipamento (calções, camisolas e meias) e um valor monetário de 150 mil meticais, uma contribuição do governo provincial para premiar o bom desempenho da equipa de Mandimba que, mesmo sendo a primeira vez que aparece neste tipo de competição, chegou longe e, quiçá, prestigiou a província do Niassa no seu todo.

 

 

 

Fonte:Jornal Noticias

publicado por Vaxko Zakarias às 11:09
 O que é? |  O que é? | favorito
Agosto 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
18
19
20
24
25
26
28
31
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

tags

todas as tags

mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Joga se hoje em Lichinga ataça de Moçambiqui as fo...
Eu acho que já é o momento para a Federação Moçamb...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
Para auxiliar no treino nada melhor do que receita...
Entao e em 2016 nao havera????
Gostaria de salientar que a tentativa de mínimo nã...
blogs SAPO