Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo
Segunda-feira, 20 DE Abril 2009

LOGO nos primeiros minutos, a turma da HCB pressionou o adversário e, como resultado disso, aos cinco apareceu o golo madrugador e que viria a ser o único da partida, apontado pelo ponta-de-lança Amílcar.

Estes “craques” têm que ser substituídos
Foi numa jogada de contra-ataque, com a bola a sair da defesa, atravessar a intermediária em passes curtos, até aos pés de Eládio, que fez o passe para Amílcar bater o guarda-redes Zacarias. Foi uma autêntica festa dos adeptos tetenses e tudo indicava que a formação do Songo conseguiria um resultado volumoso, só que, quem assim pensou, enganou-se porque o Ferroviário, aos poucos, começou a encarar o jogo com muita seriedade.

A HCB ainda esteve na mó de cima e por um triz não fez o segundo golo, com o esférico a ser devolvido pelo poste direito da baliza de Zacarias, já batido.

Os “locomotivas” não se assustaram e assumiram que poderiam muito bem disputar de igual para igual a partida. Vai daí, aos 32 minutos esteve à vista o seu golo, numa jogada confusa na grande área contrária, com Elídio, depois de se embrulhar com Venâncio, a atirar rasteiro para defesa incompleta de Chico.

Na segunda parte, a HCB tentou pressionar, mas foi sol de pouca dura, pois a equipa visitante estava mais lançada ao ataque, à procura do golo. O meio-campo tetense morreu e passou a um autêntico corredor, por onde eram organizadas todas as jogadas do Ferroviário.

A turma do Songo sofreu a valer e deixou de praticar futebol, senão a inventar faltas desnecessárias e chutos para o ar e fora do rectângulo, numa forma aberta de “queimar o tempo”, tirando desta maneira a dignidade de um grande treinador conhecido por Mussá Osman. Foi sofrer e sofrer muito desde o campo, banco técnico, dirigentes e até alguns adeptos, que estavam atrás dos “apanha bolas” para retardarem a devolução do esférico ao relvado, ou então enviarem duas bolas para o rectângulo.

A HCB precisava, sim, dos três pontos, mas não desta maneira, pois burlou os espectadores que foram ao campo para assistir a um espectáculo e não aquela vergonha de uma equipa que precisa de se manter na prova máxima do nosso futebol.

Justino Faduco efectuou um trabalho normal, com pequenos erros de visão para ambos os lados, mas sem influenciar no resultado.

FICHA TÉCNICA

Árbitro: Justino Faduco, auxiliado por António da Costa e Luís Santiago. Quarto árbitro: Félix MaugenteHCB - Chico; Bila, Mucuapera, Venâncio e Marito; Paíto, Eládio, Dangalira e Aurito; Amílcar e Gito.
Alinharam ainda Zaíde, Antoninho e Jossias.

FER. NAMPULA – Zacarias; Paíto, Matofe, Duda e Joaquim; Nando, Fedo, Zé e Elídio; Leonel e Hipo.

Jogaram ainda Amisse, Samuel e Rafael.

Acção disciplinar. Cartão amarelo para Leonel, por antijogo.

BERNARDO CARLOS

publicado por Vaxko Zakarias às 16:17
 O que é? |  O que é? | favorito
Abril 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
18
19
24
25
26
28
30
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

tags

todas as tags

mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Joga se hoje em Lichinga ataça de Moçambiqui as fo...
Eu acho que já é o momento para a Federação Moçamb...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
Para auxiliar no treino nada melhor do que receita...
Entao e em 2016 nao havera????
Gostaria de salientar que a tentativa de mínimo nã...
blogs SAPO