Este blog tem como objectivo difundir a documentação de carácter desportivo
Segunda-feira, 27 DE Abril 2009

ESTE Costa do Sol é, na verdade, uma formação com todos os condimentos necessários para se ser uma grande equipa de futebol.

“ESTOU no Costa do Sol para melhorar os meus níveis de jogo, este é o sentimento do médio-ofensivo, Ruben.
Artistas de classe invejável, desde o guarda-redes Antoninho – que voltou aos seus tempos áureos, quando ascendeu ao time principal “canarinho” – até ao repentino e astuto Tó, passando pela mestria de Ruben, Josimar, Marufo, Dito, João e companhia. Uma equipa que ontem não somente justificou a vitória (2-1) arrancada perante uma Liga Muçulmana tenaz e que em nenhum momento virou a cara à luta como também soube construí-la com dignidade e virtuosismo necessários nestas ocasiões, particularmente porque estava em causa a luta pela primeira posição do Moçambola-2009.

Deste modo, ao cabo da sétima jornada, a turma de João Chissano, que se exibiu com uma grandeza e peculiaridade que nos fizeram recordar o ano antepassado, quando conquistou meritoriamente o Moçambola e a Taça de Moçambique, comanda isolada a prova com 19 pontos, mais três que a dupla constituída pelo Ferroviário de Maputo e Liga Muçulmana.

Jogando no Estádio da Machava e disposto a trazer a verdadeira alegria às suas hostes, depois da contestação dos adeptos em relação ao técnico brasileiro Paulo Camargo, os campeões nacionais golearam o FC Lichinga por seis bolas sem resposta, agravando ainda mais a já precária situação do representante do Niassa.

Três triunfos pelo mesmo resultado de 1-0 foram conseguidos por igual número de visitantes. Trata-se do Ferroviário da Beira, que derrotou o Desportivo, da HCB de Songo, vitorioso perante o Maxaquene, e do Matchedje, que na Soalpo bateu o Textáfrica.

Surpresas, de alguma forma, para quem não viu estes desafios, porém, vitórias merecidas, a avaliar pelo desenrolar dos factos nas quatro linhas. Quem também se vê a braços com uma crise é o Ferroviário de Nampula, que em sete jogos ainda não ganhou nenhum. Desta vez, em pleno Estádio 25 de Junho, empatou sem abertura de contagem com o Atlético Muçulmano.

Enquanto isso, o técnico Zé Maria pode ter apaziguado os ânimos mais exaltados dos adeptos do Chingale, com a vitória sobre Ferroviário de Nacala por 2-0, facto que permitiu à equipa sair da zona da despromoção, em troca com os “locomotivas” da capital nortenha. Agora com um líder destacado, o Moçambola tem à frente o Costa do Sol com 19 pontos, seguido do Ferroviário e da Liga Muçulmana com 16, Desportivo 11, Maxaquene e HCB 10, Matchedje, Ferroviário da Beira e Atlético Muçulmano nove, Textáfrica sete, Chingale seis, Ferroviário de Nampula cinco, FC Lichinga três e Ferroviário de Nacala dois pontos. No próximo fim-de-semana rodará a oitava jornada, com os seguintes desafios: Matchedje-Desportivo, HCB-Textáfrica, Atlético Muçulmano-Maxaquene, FC Lichinga-Ferroviário de Nampula, Ferroviário de Nacala-Ferroviário de Maputo, Liga Muçulmana-Chingale e Ferroviário da Beira-Costa do Sol.

publicado por Vaxko Zakarias às 13:48
 O que é? |  O que é? | favorito
Abril 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
18
19
24
25
26
28
30
tags

todas as tags

mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Joga se hoje em Lichinga ataça de Moçambiqui as fo...
Eu acho que já é o momento para a Federação Moçamb...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
MANOSTAXXMapa Europeu dos Salarios por Paíshttps:/...
Para auxiliar no treino nada melhor do que receita...
Entao e em 2016 nao havera????
Gostaria de salientar que a tentativa de mínimo nã...
blogs SAPO